Se a batcaverna fosse aquática, o Batman dirigiria o Jet Ski da startup finlandesa Viva Electric Jets. Pelo menos, é isso o que a empresa espera, descrevendo seu novo modelo elétrico homônimo como algo que o herói dos quadrinhos usaria. Entre os diferenciais, o veículo aquático conta com velocidade impressionante, propulsor silencioso, carregamento rápido e preço exorbitante.

Jet Ski elétrico

O modelo Viva Electric promete velocidade de até 96,5 km/h e carregamento em até uma hora, que pode ajudar os condutores de férias a passar menos tempo na tomada e mais tempo na água. Já se o dono preferir conectar na tomada padrão de casa, também é possível, mas pode demorar até 20 horas.

Leia mais:

Segundo a empresa finlandesa, o modelo é zero emissão, com motor que pode chegar a 174 cv e bateria de 27 kWh, com alcance de 31 km. Outro diferencial é o design, inspirado em uma lancha.

publicidade

Batmóvel? (Imagem: Reprodução/Viva Electric Jets)

Diferentes versões

Apresentado no salão náutico de Helsinque este mês, como reporta o New Atlas, o Jet Ski elétrico vem em duas especificações diferentes:

  • A primeira, o modelo GT, é a variante mais leve e rápida, com 440 kg e casco de fibra de carbono. O propulsor de 130 kW chega a velocidade de 93 km/h;
  • O modelo Cruizer é o nível básico, com 60 kW e casco de composto de fibra de vidro, que suporta peso extra de 30 kg. A velocidade máxima cai consideravelmente, chegando a 64 km/h;
  • Os dois têm a mesma bateria de 27 kWh, carregamento rápido, capacidade de carga de 220 kg e 500 litros de armazenamento à prova d’água na parte frontal.

Preço

O Batman é bilionário, mas, para aqueles que não são, o Jet Ski elétrico sai por preço salgado. A Viva Electric Jets já abriu encomendas para o modelo básico Cruizer, com as primeiras entregas previstas para maio e preço de entrada a partir de US$ 26,5 mil. Em conversão direta, a versão mais simples sai por cerca de R$ 132 mil.

De acordo com a NX Boats, o preço médio de um Jet Ski no Brasil é de R$ 20 mil e, segundo o New Atlas, um modelo mais sofisticado e com mais alcance que a versão Cruizer do Viva Electric, o Orca Carbon, sai por consideravelmente menos: US$ 17,49 mil, cerca de R$ 87 mil.