O Ministério da Saúde vai adiantar o início da vacinação contra a gripe este ano de abril e maio para o dia 25 de março. O principal motivo foi o salto na circulação de vírus respiratórios no Brasil. Confira abaixo quem pode receber o imunizante gratuitamente.

Leia mais:

Quem pode se vacinar contra a gripe?

O imunizante é aplicado gratuitamente pela campanha do Sistema Único de Saúde (SUS). A lista de grupos prioritários inclui:

  • Crianças de 6 meses a menores de 6 anos (crianças indígenas de 6 meses a menores de 9 anos) — quem receber o imunizante pela primeira vez deverá tomar duas doses com intervalo de 30 dias;
  • Trabalhadores da Saúde;
  • Gestantes e puérperas;
  • Professores dos ensinos básico e superior;
  • Povos indígenas;
  • Idosos com 60 anos ou mais;
  • Pessoas em situação de rua;
  • Profissionais das forças de segurança e salvamento;
  • Profissionais das Forças Armadas;
  • Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis ou condições clínicas especiais (independente da idade);
  • Pessoas com deficiência permanente;
  • Caminhoneiros e trabalhadores do transporte rodoviário coletivo;
  • Trabalhadores portuários;
  • Funcionários do sistema de privação de liberdade;
  • População privada de liberdade e adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas (de 12 a 21 anos).
vacina
(Imagem: BaLL LunLa/ Shutterstock)

A imunização previne contra os vírus que geralmente começam a circular em maio, junho e julho (…) desde o ano passado, estamos observando uma antecipação de circulação de vírus respiratórios em geral. Então, esse ano nós vamos antecipar a campanha para proteger a população, principalmente os idosos, as gestantes, os profissionais de saúde, da educação e todas as pessoas que são elegíveis, para que a gente possa estar com a população protegida antes do inverno

Ethel Maciel, secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente

A meta é imunizar pelo menos 75 milhões de pessoas. Quem estiver fora dos grupos prioritário também pode receber o imunizante contra a gripe em clínicas particulares.

publicidade

Distribuição da vacina

A distribuição das doses começa a partir de 20 de março para quase todas as regiões do país, com exceção do Norte, informa o Ministério da Saúde.

A campanha começa no segundo semestre na região por conta do clima e período de circulação viral diferenciado.