Jogos violentos deixam pessoas violentas. Você já deve ter lido, ouvido, assistido isso por aí. Mas um estudo realizado por três pesquisadores da Universidade de Luxemburgo põe essa tese em xeque. Isso porque afirma: jogar um game violento pode ter efeito na redução do estresse. Ou seja, relaxa o jogador.

Para quem tem pressa:

  • Um estudo da Universidade de Luxemburgo sugere que jogar videogames violentos pode na verdade reduzir o estresse, o que contraria a crença popular de que tais jogos induzem violência nos jogadores;
  • A pesquisa mostra uma relação complexa entre conteúdo de jogos, traços de personalidade e níveis hormonais. Nesta relação, o conteúdo violento do jogo Uncharted 4 reduziu o cortisol (hormônio do estresse) em jogadores com altos níveis de maquiavelismo, sem afetar significativamente a agressividade;
  • Os autores do estudo reconhecem a limitação de seus resultados ao comportamento masculino e ao jogo Uncharted 4, apontando para a necessidade de estudos futuros que incluam mulheres e diferentes jogos para compreender melhor os efeitos dos jogos violentos no comportamento humano.

Ainda de acordo com o estudo, o efeito pode ocorrer principalmente quando o jogador possui “traços de personalidade como o maquiavelismo. Em entrevista ao Psypost, Gary Wagener, um dos autores do estudo, contou que decidiu investigar os efeitos dos jogos violentos porque sua experiência contrastava com o repercutido pela mídia. A pesquisa, revisada por pares, foi publicada na revista Physiology & Behavior.

Leia mais:

Efeitos dos jogos violentos

Criança jogando videogame/computador
(Imagem: Frame Stock Footage/Shutterstock)

Uma pesquisa do Oxford Internet Institute desafiou a crença popular de que jogos violentos promovem comportamento agressivo, sugerindo que estudos anteriores podem ter sido influenciados por vieses de pesquisadores. Embora não tenha demonstrado que games violentos reduzam a agressividade, o estudo subsequente da Universidade de Luxemburgo ofereceu novas perspectivas sobre o tema.

publicidade

Neste estudo, os pesquisadores examinaram como diferentes segmentos do jogo Uncharted 4 afetavam os níveis hormonais e traços de personalidade de 54 homens. Um teste fisiológico mediu o cortisol, hormônio relacionado ao estresse, em três momentos diferentes, enquanto um teste psicológico avaliou a personalidade e a propensão à agressividade dos participantes.

china videogames
(Imagem: Domínio público)

Os resultados indicaram uma interação complexa entre a personalidade, os hormônios e o conteúdo do jogo, mostrando uma redução nos níveis de cortisol durante as partes violentas do jogo, especialmente entre os jogadores com altos níveis de “maquiavelismo” (termo adotado pelo estudo) no teste psicológico.

Por outro lado, as partes não violentas do jogo resultaram num aumento dos níveis hormonais, mas sem impacto significativo na agressividade implícita dos jogadores. O pesquisador Gary Wagener destacou o valor dos jogos como forma de diversão, competição, envolvimento em histórias e alívio do estresse.

Ressalvas e próximos passos da pesquisa

Pessoas jogando videogame durante evento Gamescom
(Imagem: Divulgação/Gamescom)

No entanto, os resultados deste estudo são específicos para o jogo Uncharted 4 e comportamentos masculinos. Assim, levanta-se a necessidade de pesquisas mais abrangentes que incluam mulheres, que compõem metade da população de jogadores globalmente.

Os pesquisadores da Universidade de Luxemburgo planejam continuar sua investigação com diferentes materiais. A ideia é validar suas descobertas num contexto mais amplo a médio prazo para ampliar o entendimento sobre os efeitos dos jogos violentos no comportamento humano.