Se você ainda pensa que pode clicar em qualquer link na internet, fique sabendo que clicar em links pode ser perigoso. Os cibercriminosos usam links maliciosos para ataques de phishing ou infecções por malwares. Clicar nesses links pode expor você a várias ameaças de segurança, desde roubo de identidade até a apropriação de informações confidenciais. 

Os hackers aproveitam a confiança dos usuários e empregam técnicas enganosas para fazer com que eles cliquem em links infectados. Esses links podem ser enviados por e-mail.

Leia mais:

Para evitar clicar em ciladas e acessar sites maliciosos, você pode desconfiar de links baratos demais, evitar realizar buscas de URLs em sites de pesquisa e priorizar digitar os links. 

publicidade

Você também pode usar ferramentas gratuitas para saber se um link é seguro ou não. Os serviços, oferecidos por Google, Norton, NordVPN e afins, analisam o endereço de páginas da web para verificar se um site é falso ou pode baixar vírus para o seu dispositivo.

Imagem mostrando o antivírus como um protetor do computador
O Norton está entre os mais escolhidos entre consumidores mais tradicionais. (Imagem: Lucas Gabriel MH)

Aqui estão algumas dicas para saber se um link é confiável:

  • Use ferramentas de verificação de links.
  • Verifique se o site usa HTTPS.
  • Procure informações de contato legítimas.
  • Verifique as avaliações do Google.
  • Verifique a idade e a propriedade do domínio.
  • Verifique se o URL contém números, caracteres especiais, extensões desconhecidas ou tudo isso junto.
  • Verifique se o protocolo de transferência de hipertexto, o HTTP, tem a letra S no final. Esse S significa que o site possui um Certificado de Segurança SSL, indicando que é seguro.
  • Um site que possui “. com.br” se torna mais seguro, visto que o “.com” serve para identificar o tipo de domínio registrado – que está relacionado ao comercial – e o “.br” indica o país de origem daquele site. 
  • Ameaças
  • Sequestro
  • Vazamento de conteúdo íntimo
  • Roubo de dados
  • Invasão de contas
  • Hackers
  • Malware
  • Vírus 

Clicou em um link malicioso, e agora, o que fazer?

Vírus PC malware HotRat
Imagem: Skorzewiak/ Shutterstock

Não seguiu as dicas acima, ou acabou se distraindo e clicou em um link malicioso por engano?Agora o mais importante é agir rápido. Quanto antes você tomar uma providência, mais chances tem de minimizar os danos. 

Algumas medidas podem dar conta de resolver a situação. Você pode desconectar a internet desligando imediatamente a conexão wi-fi ou desconectando o cabo de rede. Dessa forma, vai interromper a comunicação com os prováveis servidores maliciosos.

Faça a verificação do seu dispositivo executando um software antivírus confiável (isso significa que deve se certificar de que o antivírus esteja atualizado para detectar e remover qualquer malware).

Outra ação rápida é alterar suas senhas em todos os serviços relevantes. Isso ajudará a evitar o acesso não autorizado à sua conta. Também monitore suas contas para flagrar possíveis atividades suspeitas, como transações não autorizadas e notifique imediatamente o provedor do serviço se notar algo incomum.