Carros e Tecnologia

Design acaba com os pontos cegos

'Gênio' de 14 anos cria solução que acaba com pontos cegos nos carros

Vinicius Szafran, editado por Cesar Schaeffer 04/11/2019 15h11
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Adolescente teve a ideia após ver sua mãe com dificuldades com os pontos cegos do carro; a solução lhe rendeu um prêmio de 25 mil dólares

Uma adolescente de 14 anos desenvolveu uma forma inovadora de acabar com os pontos cegos nos carros. A solução criada por Alaina Gassler foi instalar câmeras na parte externa do veículo, que transmitem as imagens ao vivo para um projetor, apontada para o mesmo ponto. A jovem da Pensilvânia recebeu um prêmio de US$ 25 mil por sua criação.


Gassler apresentou seu projeto, chamado "Melhorando a Segurança Automobilística Removendo os Pontos Cegos", durante uma feira de Matemática, Ciências Aplicadas, Tecnologia e Engenharia para Jovens Estrelas (MASTERS).

A jovem ganhou o Prêmio da Fundação Samueli por sua criatividade, além de um cheque no valor de US$ 25 mil. Mais de US$ 100 mil foram distribuídos para os 30 finalistas durante a cerimônia de premiação. "Foi tão inesperado ouvir meu nome", contou Gassler quando perguntada sobre seu resultado.

A estudante do Colégio Avon Grove Charter explicou que o objetivo do projeto era "se livrar dos pontos cegos sem realmente se livrar deles". "Eu fiz isso instalando uma câmera atrás do pilar do carro e a câmera mandava o vídeo para um projetor que projetava a imagem no pilar", contou Gassler. "Isso torna o pilar invisível e permite que o motorista veja através dele."

Para os motoristas, o projeto permitiria que eles vissem o que se encontra atrás do pilar, evitando um dos maiores pontos cegos de um veículo. "Existem tantos acidentes de carro com ferimentos e mortes que poderiam ter sido evitados se o pilar não estivesse lá", complementou a jovem. "E já que não podemos retirar os pilares dos carros eu decidi me livrar deles sem me livrar deles."

Em um comunicado, a Society For Science and the Public compartilhou que Gassler teve a ideia depois de ver sua mãe lutando contra os pontos cegos. "Parabéns para a Alaina, cujo projeto tem o potencial para diminuir o número de acidentes de automóvel reduzindo os pontos cegos", disse Maya Ajmera, presidente e CEO da companhia.

"Com tantos desafios em nosso mundo, Alaina e os outros finalistas da MASTERS me deixam otimista. Estou orgulhosa de liderar uma organização que inspira tantos jovens, principalmente meninas, a continuar inovando", acrescentou ela. 

Reprodução/Society for Science

Segurança Matemática Tecnologia transporte carro Ciência carros e tecnologia acidentes seguro adolescentes segurança pública Indústria de tecnologia engenheira engenharia nova tecnologia carros
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você