Primeiro carro elétrico da Ferrari deve competir com Tesla Roadster

Montadora italiana oficializou um pedido de patente para um veículo de dois lugares, embora a tecnologia possa ser aplicada em outro estilo de carroceria

Vinicius Szafran, editado por Liliane Nakagawa 28/01/2020 15h01
Ferrari
A A A

Ferrari vem sendo cautelosa com a ideia de produzir carros elétricos, e até o momento apresentou apenas o seu primeiro híbrido, o SF90 Stradale, no ano passado. Existe também o LaFerrari, mas o sistema híbrido no estilo KERS não era de fato eficiente, apenas mais potente.


Apesar de sinalizar que um dia também produzirá o seu próprio automóvel elétrico, a montadora italiana afirmou que isso será possível apenas quando a tecnologia estiver de acordo com os padrões da Ferrari.

Apesar do posicionamento, a empresa já está pensando no futuro. A Ferrari registrou um pedido de patente relacionado à tecnologia de veículos elétricos na Europa em julho passado, como foi publicado pelo Escritório Europeu de Patentes, na quarta-feira passada (22).

Reprodução

O pedido de patente apareceu pela primeira vez no fórum do Porsche Taycan EV, e mostra o que pode estar na mente dos engenheiros da Ferrari para seu primeiro carro elétrico. Há uma grande possibilidade das imagens serem apenas ilustrativas, mas se elas indicarem a direção que a montadora seguirá, em breve poderemos ver um carro esportivo de dois lugares totalmente elétrico. Isso o tornaria um notável rival do Tesla Roadster.

Um dos esboços mostra um carro com espaço para dois passageiros e com quatro motores elétricos no total - um para cada roda, sendo assim um veículo com tração elétrica nas quatro rodas. A patente descreve a capacidade de cada motor trabalhar por conta própria. No entanto, essa configuração específica também poderá ser usada para um carro esportivo híbrido.                                          

Reprodução

A patente menciona também um cenário em que um único eixo elétrico (ou dois) ainda opera com um motor de combustão interna. Ou, de acordo com a Ferrari, todos os quatro motores elétricos podem estar presentes ao lado de um motor de combustão, para aumentar ainda mais a possibilidade de tração e potência.

A Ferrari não comentou imediatamente o pedido de patente, e dificilmente podemos considerar isso como uma confirmação sólida de um veículo esportivo elétrico. Contudo, a marca italiana tem, sem dúvidas, a eletrificação em mente. Agora, devemos apenas esperar que a empresa realmente faça tudo isso e possa construir o melhor dos carros elétricos.

Via: Roadshow

Tesla carros e tecnologia carros elétricos Ferrari veículos elétricos
Assinar newsletter
Assine nossas newsletters e receba conteúdos em primeira mão
enviando dados - aguarde...
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!.

Recomendados pra você