Novo drone da Nasa será disparado de um canhão

Equipamento foi desenvolvido para facilitar o lançamento em cenários desfavoráveis

Guilherme Preta, editado por Matheus Luque 21/11/2019 12h49
SQUID
A A A

Os drones são muito úteis e estão ganhando cada vez mais espaço, porém, colocá-los no ar pode não ser tão simples, principalmente em situações adversas, como ventos fortes ou emergências. Porém, um grupo de pesquisadores da Universidade de Caltech e do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa criou uma solução. Lançamento por meio de um canhão.


A criação é chamada SQUID, abreviação de Streamlined Quick Unfolding Investigation Drone, possui menos de 27 centímetros e pesa 530 gramas. Além disso possui quatro braços de rotor com mola que se posicionam em menos de um décimo de segundo após o lançamento do drone.

Reprodução


Para o lançamento, os pesquisadores utilizaram uma máquina pneumática de arremesso de bolas de beisebol modificada, que permitiu uma velocidade inicial de 55 km/h. A equipe também afirmou que o SQUID está “estável e pairando” em menos de um segundo.

Lançar um drone balisticamente é, definitivamente, mais rápido que fazer isso do chão. Outra vantagem é que ele pode ser disparado a partir de objetos em movimento. Os pesquisadores fizeram o lançamento da parte traseira de uma caminhonete a 80 km/h, como é possível ver no vídeo abaixo.

Este cenário também pode ser usado em casos de emergência e para exploração espacial. “Uma aeronave de rotor expande bastante o alcance da coleta de dados e permite acessar locais considerados intransitáveis”, escreveram os pesquisadores.

O SQUID não é o primeiro drone lançado balisticamente já feito. Porém, os exemplos anteriores usavam projetos de asas fixas.

Via: The Verge

Nasa Tecnologia Drone
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!.

Recomendados pra você