Covid-19: São Paulo quer dobrar produção de vacina no Butantan

Governo pretende arrecadar até R$ 130 milhões para tal; produção do instituto pode ser exportada para países vizinhos

Guilherme Preta, editado por Fabiana Rolfini 23/07/2020 12h17
Instituto Butantan
A A A

João Doria, governador de São Paulo, afirmou na quarta-feira (22) que o Instituto Butantan vai abrir um canal para doações com a finalidade de arrecadar até R$ 130 milhões. O dinheiro será investido na ampliação da capacidade de produção de vacinas.


O principal alvo, claro, é o imunizante contra o novo coronavírus desenvolvido pela chinesa Sinovac, que já está em testes no país. Caso seja aprovado, o Instituto possui acordo com a empresa para a produção da vacina. Segundo Doria, o objetivo é “investir em equipamentos e tecnologia para aumentar a capacidade de produção, que hoje já é de 120 milhões de unidades da CoronaVac”.

Com esses números, será possível imunizar 60 milhões de pessoas, já que são necessárias duas doses.

ReproduçãoVacina da Sinovac será a principal beneficiada com aumento da produção. Foto: Reprodução/Folha de S.Paulo

 

Além disso, o governador afirmou que, no caso de outros imunizantes serem aprovados, como o da Universidade de Oxford, que também está sendo testado no país, o Butantan poderá fabricá-los e até mesmo exportar para países vizinhos.

Vacina alemã

Dois novos tipos de vacinas contra a Covid -19, BNT162b1 e BNT162b2, que estão sendo desenvolvidas pelas empresas BioNTech e Pfizer (Wyeth) serão utilizadas em um estudo clínico conduzido com mil voluntários no Brasil. A pesquisa recebeu na terça-feira (21) a autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

No início do mês, as empresas anunciaram resultados promissores na primeira fase de testes clínicos com seu composto. Pelos dados disponibilizados, a vacina se mostrou segura o bastante em um pequeno grupo de pacientes, permitindo avançar para as etapas posteriores, que visam avaliar com mais clareza a eficácia em gerar imunidade contra o vírus.

Via: Agência Brasil


Confira em tempo real a COVID-19 no Brasil:



Brasil China vacinação Governo de São Paulo São Paulo vacina coronavirus covid19 pandemia Universidade de Oxford
Assinar newsletter
Assine nossas newsletters e receba conteúdos em primeira mão
enviando dados - aguarde...
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!

Recomendados pra você