Coronavírus

Pesquisadores australianos avançam na luta contra o coronavírus

Rafael Rigues, editado por Cesar Schaeffer 10/02/2020 11h23
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Uma equipe de especialistas em saúde e médicos da Universidade de Sydney e da NSW Health, trabalhando 24 horas por dia, cultivou o vírus vivo para ajudar no diagnóstico e conter sua propagação

Especialistas em saúde em todo o mundo poderão conter a disseminação do novo coronavírus entre a população mais rapidamente, após um avanço da Universidade de Sydney e de pesquisadores do governo australiano. Os cientistas usaram um laboratório P4 de biossegurança de última geração para cultivar o vírus vivo, obtido de pacientes no estado australiano de Nova Gales do Sul (New South Wales, NSW).


O ministro da saúde do estado, Brad Hazzard, disse: “A menos que os médicos entendam a epidemiologia da doença - como ela se comporta e se replica - eles não poderão desenvolver testes de diagnóstico confiáveis para identificá-la e contê-la.”

"Uma equipe de pesquisadores de elite da NSW Health conseguiu isso realizando o sequenciamento genético e replicando o vírus vivo de pacientes reais, em vez de usar materiais sintéticos".

A equipe de 10 cientistas e patologistas do Instituto de Patologia Clínica e Pesquisa Médica da NSW Health e médicos da Universidade de Sydney e Westmead Hospital espera que os esforços apoiem a corrida para desenvolver um tratamento e vacina eficazes.

O professor Dominic Dwyer, da Faculdade de Medicina e Saúde da Universidade de Sydney, que é Diretor de Patologia em Saúde Pública da NSW Health, disse que a equipe trabalhou sem parar para cultivar o vírus.

"Este trabalho de ponta expandirá o acesso a testes de diagnóstico mais rápidos e confiáveis para pacientes infectados, não apenas aqui em NSW, mas em todo o mundo", disse o professor Dwyer.

"Ser capaz de cultivar o novo coronavírus a partir de amostras de pacientes, em vez de tentar imitá-lo usando amostras sintéticas, é um grande avanço. Estamos orgulhosos de poder compartilhar nossa descoberta com a Organização Mundial da Saúde e com pesquisadores e médicos internacionais. Portanto, juntos, ajudamos a salvar vidas".

Fonte: Universidade de Sidney

Saúde Medicina Vírus Austrália tecnologia medicinal coronavirus
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você