Twitter bane site financeiro após 'fake news' sobre coronavírus

De acordo com a rede social, ação desencoraja tentativas coordenadas de disseminar informação falsa sobre a nova epidemia

Nina Gattis, editado por Liliane Nakagawa 03/02/2020 19h02
Twitter
A A A

O Twitter suspendeu permanentemente o site Zero Hedge de sua plataforma. O portal búlgaro, que trata de assuntos relacionados ao mercado financeiro, publicou fake news vinculando um cientista chinês - incluindo informações pessoais - à epidemia do coronavírus.


Segundo a rede social, “aqueles que engajarem em tentativas coordenadas de disseminar informação falsa sobre a crise de coronavírus serão removidos do serviço”. O banimento, em meio ao crescente sentimento contra ao país chinês, tenta conter a avalanche de mensagens falsas que se espalham online, exacerbadas pela carência de informações do epicentro da epidemia. 

Inicialmente, o Zero Hedge achou que a suspensão havia se dado em decorrência do artigo publicado na última sexta-feira (31), no qual o portal conspirava sobre um possível acobertamento do vírus.

Posteriormente, o site informou que o Twitter tinha recebido uma denúncia do BuzzFeed sobre o artigo intitulado “É este o homem por trás da pandemia global de coronavírus?”, que falava do vírus como uma 'arma biológica' criada em laboratório. Representantes do BuzzFeed não quiseram comentar o assunto.

À Reuters, o Twitter confirmou que suspendeu a conta do Zero Hedge permanentemente por violação da “política contra manipulação” da plataforma.

 

Via: Folha de S.Paulo


Confira em tempo real a COVID-19 no Brasil:



Twitter fake news coronavirus
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você