Miui 11

Coronavírus: Xiaomi adia atualização do MIUI 11

Guilherme Preta, editado por Liliane Nakagawa 21/02/2020 09h50
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Fabricante foi obrigada a mudar seu calendário por conta das medidas de segurança adotadas pelo governo chinês

O coronavírus tem causado enorme prejuízo para as empresas com sede na China. E, embora seja uma gigante do setor de smartphones, a Xiaomi também não conseguiu escapar. Por conta das medidas de segurança adotadas pelo governo, os fabricantes foram obrigados a mudar seu calendário, e a empresa se viu forçada a adiar a implantação das atualizações do MIUI 11 por conta de "interrupções de trabalho causadas pela epidemia". Alguns modelos podem esperar várias semanas para receberem as novidades.


Em comunicado à imprensa, a Xiaomi especificou quais smartphones não vão receber a versão beta mais recente na data esperada. São eles o Mi CC9 Pro, Mi 9, Mi 8, Redmi K20 Pro, Mi 6, Redmi K30, Redmi K30 5G, Mi 10, Mi 10 Pro e o Mi MIX 2S. A empresa se comprometeu a implantar a versão beta do MIUI 11.2 20.2.19 nas próximas semanas.

A fabricante chinesa não foi a única a mudar seus planos por conta da epidemia. A OnePlus, a Vivo e a Realme sofrem com problemas semelhantes. A primeira adiou a instalação de um patch de segurança no OnePlus 7T em duas semanas. A última se viu forçada a segurar uma atualização de firmware para o Realme X2 e a Vivo precisou adiar a atualização da sua interface no Funtouch. Já a Apple vai sofrer com uma escassez de produtos, principalmente iPhones, nos primeiros meses do ano.

Via: Gizchina


Confira em tempo real a COVID-19 no Brasil:



Vivo China xiaomi oneplus Realme MIUI 11 coronavirus
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você