Amazon

Amazon encerra contratos com três entregadoras após denúncias graves

Matheus Luque 16/10/2019 14h48
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Fim das parcerias se deu por pressão exagerada sofrida por funcionários

A Amazon encerrou contrato com três empresas de entrega nos Estados Unidos, o que deve resultar em aproximadamente 2 mil desempregos no país, até o fim do ano.


De acordo com publicação do BuzzFeed News, o encerramento das parcerias se deu após denúncias de que os funcionários destas empresas sofriam grande pressão para o cumprimeito de prazos e metas. Um funcionário chegou a dizer que fez perto de 300 entregas em um único dia.

Uma das denúncias que mais chamou a atenção veio de um caso em Chicago, onde uma senhora de 84 anos morreu atropelada em 2016, por um motorista da Inpax, uma das entregadoras que teve seu contrato encerrado. Na época, a família da senhora acabou processando a própria Amazon, alegando que os processos de entrega são rigorosos demais e colocam outras pessoas em risco.

Além da Inpax Shipping Solutions, que deve perder 925 funcionários em função do fim do contrato com a Amazon, outras duas entregadoras viram seus acordos serem cancelados. A Sheard-Loman Transport, que já demitiu mais de 200 colaboradores, e a Letter Ride LLC, que vai dispensar cerca de 890 empregados, entre entregadores, motoristas e profissionais de outras áreas.

A rede de entregas da Amazon foi criada em 2014 e conta com várias empresas especializadas no ramo. Nesse modelo, a gigante norte-americana fornece instruções para os trabalhadores, mas não consegue controlar aspectos como as condições de trabalho, de responsabilidade das parceiras.

 

Via: BuzzFeed News

 

Amazon .amazon Amazon Prime entregas entregadoras
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você