Apple confirma lançamento do macOS Big Sur para quinta-feira

Nova atualização no sistema operacional para computadores foi projetada para o novo chip M1, baseado na arquitetura ARM

Wellington Arruda 10/11/2020 16h04
Evento da Apple sobre Macs, M1 e macOS Big Sur
A A A

Durante o "One more thing", último evento da Apple do ano realizado nesta terça-feira (10), a empresa anunciou a mudança de chips Intel para SoCs baseados na arquitetura ARM. O processador M1, como disse a empresa durante a apresentação, tem como um grande potencializador o macOS Big Sur. Anunciada em junho, a nova versão do sistema operacional será lançada para usuários do Mac na próxima quinta-feira (12).


A confirmação da data veio durante a apresentação do novo chip M1 e novos Macs. Até então, desde o WWDC em junho, a Apple vinha disponibilizando o software em versão beta. Uma das principais mudanças do macOS 11.0 (cuja numeração foi descartada nesta geração) é visual. Usuários dos sistemas iOS e iPadOS deverão notar as similaridades.

Por exemplo, há uma nova Central de Controle personalizável com a mesma cara dos sistemas móveis da Apple – inclusive os widgets do iOS 14. Alguns aplicativos nativos tiveram seu visual atualizado, utilizando barras laterais como no Finder. A dock do sistema também passou por uma leve reformulação, assim como ícones de apps.

Reprodução

Novo macOS Big Sur promete mais segurança e privacidade, especialmente ao navegar com o Safari. Imagem: Apple/Reprodução

Os modelos de Macs compatíveis com a atualização são:

  • iMac (2014 ou posterior)

  • iMac Pro (2017 ou posterior)

  • Mac Pro (2013 ou posterior)

  • Mac Mini (2014 ou posterior)

  • MacBook Air (2013 ou posterior)

  • MacBook Pro (final de 2013 ou posterior)

  • MacBook (2015 ou posterior)

Projetado para o novo M1

A Apple reforçou que o macOS Big Sur foi projetado com base no novo processador M1. A promessa é de que a união ofereça desempenho forte, duração de bateria prolongada e mais segurança aos usuários. Entre os novos recursos, o Mac agora pode "despertar" instantaneamente do modo de repouso, como no iPhone ou iPad.

Utilizando o Safari, a companhia estima que o navegador é até 1,5x mais rápido executando JavaScript e 1,9x mais responsivo na nova versão. A empresa também citou que os aplicativos passam a se tornar universais. Os apps do Mac que não forem atualizados também devem ser executados "perfeitamente com a tecnologia Rosetta 2".

O novo macOS Big Sur, em conjunto com o M1, também poderá executar aplicativos do iPhone ou iPad nos computadores da empresa.

Mac Software Apple Sistema Operacional eventos macOS
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!

Recomendados pra você