Kyoto Animation

Incêndio criminoso em estúdio de animes mata 33 pessoas no Japão

Redação Olhar Digital 18/07/2019 18h07
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Tragédia deixou outros 36 feridos; ainda não se sabe a motivação para o crime

Nesta quinta-feira (18), um homem colocou fogo no edifício Kyoto Animation Co., um estúdio conceituado pela produção de animes e quadrinhos. O incêndio criminoso matou 33 pessoas e feriu outras 36.


De acordo com veículos japoneses, o suspeito, um homem de 41 anos, entrou no prédio gritando “morram” e “eles tiraram tudo de mim” e depois jogou um líquido inflamável no local. Durante a fuga, ele foi capturado por funcionários da empresa. O suspeito está internado em um hospital local no momento.

Dos 36 feridos, 17 continuam internados e não há informações sobre o estado de saúde deles. Essa foi a maior tragédia envolvendo incêndios criminosos nos últimos 30 anos no país.

Kyoto Animation Co. produz diversos sucessos do mundo dos animes, como Clannad, K-On!, Full Metal Panic, Violet Evergarden (disponível na Netflix) e outros. Além de longas-metragens como “A Forma da Voz”.

O Primeiro Ministro do Japão, Shinzo Abe, demonstrou empatia e indignação com o caso. A Sentai Filmworks, uma companhia que licencia animes nos Estados Unidos, começou uma companha de financiamento coletivo para ajudar as vítimas do incência.

A Kyoto Animation havia anunciado que daria mais informações do filme “Free!” nesta quinta-feira, mas o anúncio foi cancelado. O presidente do estúdio, Hideaki Hatta, disse à imprensa: “Isso quebrou nossos corações. Qual é o motivo de recorrer à violência?”.

Fonte: Voxel

Filmes incêndio Crime Japão
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você