Fã obcecado descobre endereço de cantora japonesa por selfie

Hibiki Sato teria dado zoom no reflexo da retina da cantora para descobrir seu endereço. Ele foi preso no dia 17 de setembro depois de atacá-la

Sofia Aureli, editado por Matheus Luque 11/10/2019 11h13
Ena Matsuoka é atacada pelo fã Hibiki Sato
A A A

A cantora japonesa Ena Matsuoka foi atacada por um fã mês passado, do lado de fora de sua casa, em Tokyo. Hibiki Sato, 26, teria descoberto o endereço da celebridade por meio das selfies postadas nas redes sociais. O stalker identificou um ponto de ônibus e o cenário ao entorno apenas dando zoom no reflexo das pupilas nas selfies de Matsuoka, e em seguida, procurou uma localização parecida usando o Google Maps.


A cantora tinha acabado de sair de casa quando o stalker apareceu e a levou para um canto escuro, molestando-a. Sato admitiu o ataque após ter sido preso no dia 17 de setembro.

Matsuoka faz parte do grupo de J-pop Tenshitsukinukeniyomi e seu caso não é o único de abuso por fã-stalkers. Diante das inúmeras ocorrências, a comunidade de fãs de J-pop está exigindo uma melhor proteção para as artistas.

Maho Yamaguchi, ex-membra do grupo pop NGT48, teve sua casa invadida por dois homens que a violentaram. Outro caso foi o de Mayu Tomita, que foi esfaqueada dezena de vezes por um perseguidor. Tomita teria reportado o stalker 12 dias antes do ataque, mas a polícia ignorou o perigo. Desde então, o Japão revisou suas leis anti-stalker para cobrir também o assédio on-line.

 

Via: Asia One

selfie violência assédio Japão Assédio Virtual
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você