Facebook

Facebook é investigado por violar leis antitruste ao adquirir empresas

Redação Olhar Digital 02/08/2019 15h42
Compartilhe com seus seguidores
A A A

A Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos (FTC) suspeita que o Facebook tenha comprado a maioria das empresas para neutralizar concorrência

O Facebook está sob investigação nos Estados Unidos sobre a aquisição de empresas como o Instagram e o WhatsApp. A rede social adquiriu 90 companhias nos últimos 15 anos de existência, mas a Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos (FTC) pretende apurar se as compras violaram leis antitruste.


A suspeita é que o Facebook comprou a maioria dessas empresas para evitar concorrência em potencial. Uma das investigações é sobre a aquisição da Onavo Movile, que oferecia um serviço de VPN gratuito que alertava usuários sobre sites mal-intencionados e dizia proteger suas informações.

Na verdade, o app coletava dados de navegação e comportamento dos usuários, e acredita-se que o Facebook tenha utilizado o serviço para benefício próprio, como fazer análise de mercado. Supostamente, os dados coletados teriam sido fundamentais para decisões como a compra do WhatsApp e o investimento no Instagram Stories. 

Recentemente, o FTC fechou um acordo de US$5 bilhões com o Facebook devido ao caso da Cambridge Analytica. Essa foi a maior indenização paga em um processo do tipo e a empresa prometeu que mudaria algumas políticas de privacidade. Porém, uma nova investigação pode levar a medidas mais drásticas, já que o Facebook parece não se livrar de hábitos antigos. 

Via: Wall Street Journal

redes sociais Facebook empresa Empresas instagram Whatsapp rede social EUA Investigação antitruste
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você