digital

Galaxy S11 pode ter uma característica muito desejada no iPhone 12

Sofia Aureli, editado por Matheus Luque 25/09/2019 10h09
Compartilhe com seus seguidores
A A A

O recurso revolucionário pode ser a solução para um dos maiores problemas na experiência do usuário

Em nome das telas maiores e com bordas estreitas, produtores de Android moveram os sensores de leitura de impressão digital para a parte de trás do telefone, o que se mostrou um incômodo para diversos usuários. O problema residia na dificuldade em desbloquear o telefone devido à localização tátil da biometria, difícil de ser encontrada sem virar o aparelho. Diante disso, novos leitores de biometria via tela foram incorporados por produtores e permitiram que as empresas mantivessem seus novos designs sem remover os leitores ou move-los para trás. Em contrapartida, mas ainda em nome de uma tela maior, a Apple decidiu adotar uma outra resolução e abandonou os leitores de digitais, abrindo mão de reconhecimento facial 3D.


Afinal, os leitores na tela são tudo isso? Em um primeiro momento eles aparentavam ser uma novidade interessante, mas na realidade atrasam o usuário. Em um passado nem tão distante, quando os botões da home ainda eram amplamente distribuídos bastava tatear o telefone no bolso, pressionar levemente seu dedo no sensor e no momento que você estivesse com o celular fora do bolso ele provavelmente já estaria desbloqueado. Hoje em dia, é preciso de muita sorte para obter um desbloqueio rápido utilizando leitores na tela, uma vez que a área de reconhecimento da digital é pequena.

O problema com a experiência do usuário está se tornando uma lacuna cada vez maior, mas por sorte isso parece ser temporário. Afinal, existem rumores que várias companhias estão trabalhando em novos sensores de impressão digital incorporados que oferecem uma solução para este problema. Segundo uma reportagem do jornal comercial sul-coreano The Elec, um novo vazamento sugere que a Samsung melhorou seus sensores de digital nas telas e pode estrear a nova tecnologia ano que vem, no lançamento do Galaxy S11.

A solução sugerida aparece na forma de sensores com áreas maiores na tela, ou, em outras palavras, uma maior “dimensão da área ativa” - AAD em inglês. Assim, os novos leitores de digital se diferenciam dos anteriores, e agora, o usuário poderá tocar praticamente em qualquer parte no canto inferior da tela para desbloquear o telefone.

Além dos vazamentos envolvendo a Samsung, alguns incluem que a Apple também está trabalhando em uma tecnologia parecida e pode aparecer ano que vem no iPhone 12 (em um avanço de série similar com o que ocorreu do iPhone 7 para o 8), pulando o 11S. Ainda é cedo para afirmar alguma coisa, mas provavelmente o atual problema com a experiência do usuário será revertido em breve, com novas tecnologias e upgrades dos smartphones.

Via: Yahoo News

iPhone Apple Samsung biometria leitor digital smartphone Digital Galaxy S11
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você