Marinha dos EUA cria submarino que pode matar de forma autônoma

Veículo aquático vai usar inteligência artificial e pode ter um protótipo já em 2020

Guilherme Preta, editado por Fabiana Rolfini 13/03/2020 11h37
Marinha dos EUA quer submarino autônomo assassino
A A A

A Marinha dos Estados Unidos está desenvolvendo um submarino autônomo controlado por Inteligência Artificial, que é capaz de matar sem qualquer comando humano. O projeto CLAWS está sendo criado pelo Programa de Ciência e Tecnologia da Marinha e do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA.


Descobertos pela New Scientist, os documentos descrevem o CLAWS como “um sistema autônomo de armas submarinas não tripuladas” para ser instalado em um submarino robótico, como o Orca, da Boeing. O equipamento é composto com 12 torpedos controlados por garras.

O projeto foi revelado em 2018 como uma tentativa de “melhorar a autonomia e a capacidade de sobrevivência de veículo subaquáticos não tripulados grandes e extragrandes”. Porém, estes documentos possuem a primeira menção a presença de armas. Segundo os registros, o CLAW já recebeu US$ 49 milhões, cerca de R$ 230,95 milhões, para sair do papel.

Os Estados Unidos não são os únicos a projetar um submarino autônomo. A China pretende implementar um modelo ainda na primeira metade do ano. O desenvolvimento de armas autônomas letais é uma grande preocupação para alguns, como a Campanha para Parar Robôs Assassinos, que tem apoio inclusive de Elon Musk, da Tesla, e Mustafa Suleyman, da Alphabet. Heiko Maasban, ministro das Relações Exteriores da Alemanha, afirmou que é preciso “proibir armas totalmente autônomas antes que seja tarde demais”.

Via: The Newt Web

Inteligência Artificial estados unidos IA submarino armas marinha
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!.

Recomendados pra você