Vice-presidente de operações do Mercado Livre, Stelleo Tolda, diante do logo da empresa

Mercado Livre e PayPal ampliam parceria no Brasil e no México

Vinicius Szafran, editado por Maria Lutfi 30/12/2019 15h10
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Acordo foi selado em março após o PayPal investir US$ 750 milhões no Mercado Livre com uma oferta de ações

O Mercado Livre ampliou sua parceria com o PayPal, permitindo que os usuários do Brasil e do México possam realizar transações financeiras para qualquer parte do mundo, através de seu serviço de pagamentos, Mercado Pago. As informações foram divulgadas pela Reuters, agência de notícias.


A ampliação da parceria ocorre depois que o PayPal se comprometeu a fazer um investimento de US$ 750 milhões no Mercado Livre através de uma oferta de ações, realizada em março. Em comunicado, o vice-presidente de operações do Mercado Livre, Stelleo Tolda, afirmou que o aumento da parceria permitirá que os usuários do Mercado Pago, tanto do Brasil, quanto do México, recebam remessas de dinheiro na carteira digital pessoal.

No terceiro trimestre deste ano, o volume transacionado por meio do Mercado Pago alcançou US$ 7,6 bilhões, com um aumento anual de 66,2%. O volume de pagamentos fora do Mercado Livre somou quatro bilhões de dólares, representando uma alta de 140,4% ao ano e superando pela primeira vez, em um trimestre, o valor movimentado dentro da plataforma de comércio eletrônico.

Reprodução

"O PayPal estará disponível como opção de pagamento nos sites que aceitam Mercado Pago no Brasil e no México, agregando 300 milhões de clientes", afirmou Tolda no comunicado. "O PayPal também será aceito no Mercado Livre, para que usuários de outros países possam comprar no Brasil e no México".

O anúncio ocorre em meio à agitação de meios de pagamento no mercado brasileiro, com centenas de novas empresas surgindo ao longo dos dois últimos anos. Como podem ser usadas para receber e transferir recursos de contas correntes, e até mesmo pagar boletos, as contas de pagamento atendem o público que não demanda de produtos financeiros.

"Cada empresa operará de forma completamente independente. O acordo visa estabelecer regras para viabilizar a interoperabilidade entre os arranjos de pagamento, nos termos da regulamentação do Banco Central", acrescentou Tolda.

Embora não hajam estatísticas oficiais, executivos do setor estimam que pelo menos 50 milhões de contas de pagamentos já tenham sido abertas no Brasil, muitas por instituições que possuem banco no nome, mas com licença de instituição de pagamentos ou em parcerias com eles.

 

Fonte: Exame

Dinheiro Brasil PayPal mercadolivre mercado livre pagamento digital pagamento
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você