Pesquisadores ficam sem dinheiro depois de águia enviar SMS do Irã

Enviar mensagens SMS no Irã é três vezes mais caro que na Rússia

Clara Guimarães, editado por Matheus Luque 28/10/2019 13h08
Águia-das-estepes
A A A

Os pesquisadores russos do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres, em Novosibirsk, tiveram problemas inesperados no orçamento quando uma das aves que monitoravam voou do Cazaquistão até o Irã.


A águia-das-estepes, chamada de Min, acumulava mensagens SMS para enviar aos pesquisadores, mas se encontrou fora de alcance da rede durante a viagem. Inesperadamente, a ave voou para o Irã, onde conseguiu rede e enviou, de uma só vez, todo o conteúdo acumulado.

Isso gerou um gasto gigantesco para os pesquisadores, já que um SMS no Cazaquistão custa cerca de 15 rublos (quase R$ 1), enquanto no Irã seu preço é de 49 rublos (pouco mais de R$ 3). A ave Min gastou todo o orçamento de rastreamento destinado a todas as águias.

Os pesquisadores apelaram para o crowdfunding, onde conseguiram arrecadar mais de 100 mil rublos (R$ 6.250). Após saber sobre o problema da equipe, a operadora de telefonia móvel russa Megafon se ofereceu para cancelar a dívida e colocar o projeto em uma tarifa especial e mais barata.

Reprodução

As mensagens SMS entregam as coordenadas dos pássaros à medida que eles migram, e a equipe usa fotos de satélite para verificar se os pássaros chegaram a locais seguros. O Centro rastreia, atualmente, um total de 13 águias.

A oferta da Megafon de socorrer a equipe, relatada pelas notícias da RIA Novosti, significa que eles podem continuar monitorando as rotas das águias e coletando dados vitais para ajudar na sobrevivência do animal.

Via: BBC

Dinheiro SMS Pesquisa proteção rastreamento mensagem disparo de mensagens
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você