Pioneiros da internet divulgam carta em defesa da neutralidade da rede

A neutralidade da rede da internet dos Estados Unidos está ameaçada, e pioneiros da indústria se uniram para pedir que ela continue do jeito que está.

Nomes importantes da indústria da tecnologia como Steve Wozniak, Tim Berners-Lee e Vinton Cerf enviaram uma carta à FCC, órgão regulador dos EUA similar à Anatel, dizendo que as autoridades norte-americanas "não entendem como a internet funciona" e pedindo o cancelamento de uma reunião marcada para quinta-feira, 14.

Durante a reunião, uma votação deve ser realizada e a expectativa é que a neutralidade de rede seja derrubada. Isso abre espaço para que operadoras cobrem preços diferentes por serviços diferentes na web: quem quiser assistir Netflix pode ter que pagar um plano mais caro do que uma pessoa que só usa o Facebook ou e-mail, por exemplo.

Os pioneiros da indústria dizem que a proposta que está para ser votada é baseada em um entendimento "falho e factualmente incorreto da tecnologia da internet". A FCC teria ignorado esses erros, apontados por especialistas em um documento de 43 páginas, e decidido seguir em frente com a votação da proposta.

Caso a proposta seja realmente votada e aprovada, o fim da neutralidade da rede por ter impacto além dos Estados Unidos. As operadoras brasileiras já estariam se organizando para pressionar o Governo Federal pelo fim da neutralidade com base na decisão norte-americana.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ