orelhão telefonica

Telefônica negocia acordo com Claro e Tim para comprar a Oi

Rafael Rigues, editado por Matheus Luque 07/10/2019 17h00
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Acordo entre as três empresas seria mutualmente benéfico

O grupo espanhol Telefônica, que no Brasil é responsável pela operadora Vivo, está negociando um acordo com a América Móvel (Claro) e Telecom Italia (TIM) para a aquisição da Oi. A informação, segundo o jornal espanhol Expansion, vem de “fontes próximas ao processo”.


De acordo com o jornal, a situação da Oi preocupa o governo brasileiro, já que poderia prejudicar 37,5 milhões de clientes de telefonia móvel, 5,7 milhões de clientes de banda larga fixa e 1,55 milhões de clientes de TV via satélite. A operadora é forte principalmente no Rio de Janeiro e estados do Nordeste, onde a participação da Vivo é menor.

Um acordo entre as operadoras seria benéfico para todas, já que reduz a concorrência no mercado. E do ponto de vista técnico, permitiria a partilha de infraestrutura como torres e de frequências de operação, reforçando as redes das três empresas.

Entretanto, um acordo pode não se concretizar: a TIM também passa por dificuldades, com uma elevada dívida e tensões internas causadas por uma disputa entre o fundo ativista norte-americano Elliott e o grupo francês Vivendi, seu principal acionista.

Segundo dados da Teleco, a Vivo é a maior operadora de telefonia celular no país, com 32,3% do mercado. Em segundo lugar vem a Claro com 24,7%, seguida de perto pela TIM em terceiro lugar com 24%. A Oi fica na quarta posição, com 16,4%.

Fonte: Expansion

Celulares Mercado Telefonia operadoras telefonia móvel Celular
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você