Vivo

Vivo é multada em R$ 3,5 milhões por cobranças irregulares

Henrique Freitas, editado por Roseli Andrion 23/09/2019 20h38
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Clientes recebiam faturas por serviços quitados ou que não haviam sido realizados

Na terça-feira (17), o Procon-SP multou a Telefônica Brasil, detentora da marca Vivo, por violação ao Código de Defesa do Consumidor (CDC). A empresa fez cobranças irregulares de consumidores em três situações diferentes: sem que houvesse a prestação do serviço, por valores já pagos e por serviços cancelados. A multa de R$ 3,5 milhões será aplicada mediante processo administrativo.


A autuação tem como base as reclamações de consumidores. De acordo com o Procon-SP, a Telefônica também deixou de apresentar soluções às demandas de usuários em seu Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) no prazo de cinco dias úteis. Essa obrigatoriedade consta em Decreto Federal e o não cumprimento é passível de punição.

Segundo o órgão, que é vinculado à Secretaria de Justiça e Cidadania, "tais condutas demonstram-se abusivas, colocam os consumidores em desvantagem e infringem o CDC."

Fonte: Procon-SP

 

Telefônica Vivo
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você