Tesla e Elon Musk sofrem com campanha de difamação no TikTok

Empresa misteriosa afirma que montadora negligencia a saúde de funcionários e rebaixa sindicatos; outras empresas também são vítimas

Guilherme Preta, editado por Fabiana Rolfini 13/10/2020 13h18
Elon Musk
A A A

Elon Musk e a Tesla estão em grande evidência no mercado e na mídia. Porém, apesar do lado bom, há a parte negativa. O empresário e sua montadora foram alvos de uma campanha de difamação no TikTok. A empresa MSCHF afirmou que Musk e a companhia negligenciam a saúde de seus funcionários e rebaixam os sindicatos.


A MSCHF é um tanto misteriosa, e fez lançamentos de produtos estranhos. No início do ano, o New York Times descreveu a empresa como um "coletivo" que "raramente produz bens comerciais". Além disso, afirmou que os funcionários se referem a ela "como uma 'marca' ou um 'grupo'". As criações da MSCHF costumam aparecer online a cada duas semanas.

Além disso, a empresa se descreve um grupo "anticapitalista" e já fez negócios com outras marcas, obtendo mais de US$ 11 milhões em investimentos externos. Agora, seu último movimento foi algo chamado "Anti Advertising Advertising Club". Nela, a MSCHF vai pagar usuários do TikTok para espalhar mensagens negativas sobre marcas que, segundo ela, estão fazendo coisas ruins.

ReproduçãoOutras empresas também são vítimas de campanha. Foto: Reprodução/Electrek

A Tesla é uma das companhias alvo da campanha. Aqueles que falarem mal da montadora vão receber US$ 1.000 caso a difamação chegar a 500 mil pessoas. Além da empresa de Musk, Palantir (empresa de software e serviços de informática), Purdue (grupo farmacêutico), Facebook, Comcast (conglomerado de telecomunicações), NFL (liga de futebol americano), Amazon, Fashion Nova e o próprio TikTok também são vítimas.

Versão 100% autônoma do AutoPilot 

Depois de anos de promessas e prazos não cumpridos, a Tesla finalmente irá lançar uma versão completamente autônoma do AutoPilot, software que auxilia na condução dos veículos da empresa, mas que atualmente requer atenção e interação constante do motorista.

Segundo Elon Musk, CEO da Tesla, um "beta limitado" do que chama de FSD (Full Self-Driving) será lançado na próxima terça-feira (20). Inicialmente, a versão estará disponível apenas a um pequeno número de motoristas "experientes e cuidadosos", afirma.

Não está claro, no entanto, como a Tesla irá avaliar experiência e cuidado, ou quantos veículos irão participar dos testes.

Via: Electrek

Tesla elon musk tiktok mensagens campanha
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você