Prism, espionagem, EUA

Juiz confirma existência de programa de espionagem dos EUA

Rodrigo Loureiro 10/03/2016 18h03
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Pela primeira vez, um membro do poder judiciário do governo dos Estados Unidos admitiu, de forma oficial, a existência do PRISM, programa de vigilância usado pela Agência Nacional de Segurança (NSA) e que conta com a colaboração de empresas de tecnologia, entre elas Google, Facebook, Apple, Microsoft, entre outras.

O juiz federal dos Estados Unidos John Gleeson foi o responsável pelo fato, já que se referiu ao esquema de vigilância global pelo próprio nome do programa. 

O fato foi registrado no documento do caso penal envolvendo Agron Hasbajrami contra os Estados Unidos. O albanês é acusado de fazer parte e fornecer dinheiro para um grupo jihadista no Paquistão. Para ser preso, Hasbajrami precisou ter seus dados e registros de conversas coletados pelo programa de vigilância da NSA.  

Reprodução 

Anteriormente, a primeira menção da existência do programa havia sido revelada pelo ex-analista de sistemas do órgão, Edward Snowden. Em 2013, Snowden cedeu diversos documentos confidenciais para os jornalistas Glenn Greenwald e Laura Poitras. 

Após as revelações, o nome do programa ocupou manchetes nos principais jornais do mundo. Porém, quando questionado, o governo norte-americano não mencionava o nome da prática em entrevistas e declarações. Além disso, a Casa Branca também o classificava como um instrumento da seção 702 do Foreign Intelligence Surveillance Act (FISA). Assim, a sigla “PRISM” nunca havia sido citada.

De lá para cá, as empresas listadas nos arquivos obtidos pelo analista de sistemas também não utilizam o nome do programa para comentar sobre o assunto. Além disso, na época das denúncias, todas disseram que não tinham conhecimento do envio dados de usuários de seus serviços para o governo.

Vale lembrar que atualmente a Apple enfrenta uma briga nos tribunais contra o FBI no caso do desbloqueio do iPhone de San Bernardino

Reprodução

Via The Next Web 

Apple FBI Edward Snowden
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você