EnglishPortugueseSpanish

O Comitê Judiciário da Câmara dos EUA investiga a Amazon, Apple, Facebook e Google por questões antitruste no setor de tecnologia. As empresas estão sob suspeita de praticarem “condutas anticompetitivas” nos mercados online. Na terça-feira (17), o comitê divulgou as respostas das gigantes de tecnologia sobre o caso. 

Além de desfavorecimento da concorrência, órgãos reguladores do governo americano acusam as gigantes de tecnologia de violações de privacidade e uso indevido de dados. O Departamento de Justiça e a Federal Trade Commission, responsáveis por lidar com práticas antitruste, analisam as práticas comerciais dessas empresas. 

publicidade

Em resposta, o Google negou favorecer os próprios serviços em detrimento dos concorrentes nos navegadores de busca, vídeo ou internet. Segundo eles, “a grande maioria” dos cliques de pesquisas na plataforma vai para outros sites que não pertencem à empresa. No entanto, a companhia afirmou não poder fornecer muitos dos dados solicitados pelo comitê.

O Facebook reconheceu o bloqueio de alguns aplicativos de terceiros de sua plataforma de desenvolvedor para replicar a funcionalidade principal. Ao ser perguntada sobre detalhes da remoção de apps como Phhhoto, MessageMe, Voxer e Stackla, a empresa respondeu que “restringirá aqueles que violarem suas políticas”. 

Já a Apple abordou questões sobre o navegador e as comissões da App Store, mas não esclareceu quanto gastou no desenvolvimento do aplicativo “Maps”, respondendo apenas “bilhões”. Por fim, a Amazon se recusou a responder a algumas observações feitas, enquanto as outras empresas não atenderam a mais pedidos de comentários. 

 

Via: CNET