EnglishPortugueseSpanish
publicidade

O observatório CHEOPS, lançado em 18 de dezembro, acaba de iniciar definitivamente sua missão. O satélite abriu seus olhos eletrônicos em busca de mundos alienígenas. O equipamento faz parte de uma missão conjunta da Agência Espacial Europeia (ESA) e da Universidade de Berna e foi projetado para estudar cuidadosamente o tamanho, a massa e a composição dos exoplanetas conhecidos.

“Logo após o lançamento, testamos a comunicação com o satélite. Então, em 8 de janeiro, iniciamos o comissionamento, ou seja, iniciamos o computador, realizamos testes e ativamos todos os componentes”, explicou Willy Benz, professor de astrofísica da Universidade de Berna e pesquisador principal da missão.

publicidade

Durante o lançamento e o teste orbital inicial, a lente do satélite foi protegida por uma tampa de 97 cm, protegendo o instrumento contra poeira, detritos e luz. Os engenheiros de missão do Instituto Nacional de Técnica Aeroespacial (INTA) da Espanha deram o comando para a abertura da capa, preparando a câmera para gravar seus primeiros dados. “O mecanismo de abertura foi extensivamente testado, mas ainda era um momento estressante para testemunhar”, afirmou Francesco Ratti, engenheiro de instrumentos da ESA.

Desde seu lançamento, o CHEOPS executou cada uma de suas tarefas sem falhas. Todos os sistemas informaram que o telescópio estava pronto para abrir seus olhos, e os engenheiros deram o comando para a sonda iniciar suas observações. O observatório vai fornecer dados de exoplanetas em um nível de detalhe sem precedentes. O vídeo abaixo mostra como o equipamento vai funcionar.

Nos próximos meses, a equipe vai testar o CHEOPS em seus primeiros planetas em outros sistemas solares, e as primeiras imagens da sonda estarão disponíveis depois de uma ou duas semanas, segundo a Universidade de Berna.

publicidade

Via: The Next Web