EnglishPortugueseSpanish

O Twitter declarou, na última quarta-feira (18) que vai solicitar que os usuários excluam tuítes que possam estimular a propagação do novo coronavírus. A diretriz entra em vigor hoje (19).

De acordo com a orientação, a plataforma vai barrar quaisquer publicações que vão contra as recomendações das autoridades locais e globais de saúde. Tuítes que indicam tratamentos ineficazes ou prejudiciais também serão removidos.

publicidade

Como exemplo, o Twitter mostrou tuítes que afirmam que o “distanciamento não é eficaz” e que “se você consegue prender a respiração por 10 segundos, não tem coronavírus”. Falsas alegações de que grupos e nacionalidades específicos são mais suscetíveis à Covid-19, também estão proibidos.

Segundo a plataforma, as regras não são inteiramente novas, mas devem ser ainda mais esclarecidas e específicas frente à pandemia de coronavírus.

O Facebook, por sua vez, criou um hub personalizado para que seus usuários possam encontrar informações confiáveis sobre a Covid-19 com apenas um clique.

Por enquanto, ainda não se tem uma estimativa do quanto os esforços para reprimir a disseminação de informações erradas nas redes sociais está contribuindo para a desaceleração do coronavírus.

 

Via: CNet