EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Para tentar detectar infectados por coronavírus entre seus colaboradores, a Amazon adquiriu 1.500 câmeras de segurança termográficas que serão instaladas em seus armazéns e escritórios.

Fabricadas pela companhia chinesa Dahua, as câmeras são capazes de rastrear a temperatura dos funcionários mesmo que a distância. Dessa forma, a Amazon consegue identificar quem está com febre – um dos sintomas da Covid-19.

publicidade

Além disso, as câmeras são equipadas com um software de reconhecimento facial que pode rastrear os colaboradores individualmente, assim como registrar flutuações na temperatura do corpo de cada um. Contudo, a Amazon negou que usará esse recurso.

Reprodução

Ao comprar câmeras da Dahua, a Amazon se envolveu em mais uma polêmica. A companhia chinesa está na lista negra do governo estadunidense por ter sua tecnologia aplicada nos “campos de reeducação”, para os quais presos de minoria étnica são enviados na China.

Ainda que a Dahua esteja na lista negra do governo, a aquisição de suas câmeras por instituições privadas nos Estados Unidos é completamente legal. Hospitais, aeroportos, estações de trem e empresas, como IBM e Chrysler, também encomendaram a tecnologia.

publicidade

À Reuters, a Amazon disse que sua compra tem como objetivo “apoiar a saúde e a segurança de nossos funcionários, que continuam a prestar um serviço crítico em nossas comunidades”.

 

Via: Futurism