EnglishPortugueseSpanish
publicidade

A Nova Zelândia anunciou nesta segunda-feira (8) que não possui mais casos ativos de Covid-19 pela primeira vez desde 28 de fevereiro. A premiê Jacinda Ardern afirmou em coletiva de imprensa que o país vai retirar a maioria das restrições no país, com exceção do controle das fronteiras. Eventos, públicos e privados, varejo, hotéis e todo o transporte público vão retomar as atividades sem distanciamento social.

“Estamos confiantes de que eliminamos a transmissão do vírus na Nova Zelândia por enquanto, mas a eliminação não é um ponto no tempo, é um esforço sustentado”, afirmou Ardern.

publicidade

Para atingir tal ponto, o país teve 75 dias com restrições, incluindo cerca de 50 dias com um bloqueio no qual a maior parte das empresas foi fechada e, com exceção de trabalhadores essenciais, todos ficaram em casa. Essas medidas vão ser retiradas a partir da meia noite desta segunda.

Reprodução

Nova Zelândia teve 1.154 casos da doença e 22 mortes confirmadas. Foto: Alex Hu/Pixabay 

O país pretende eliminar o vírus e não apenas contê-lo. Isso significa interromper a transmissão por um longo período e detectar e isolar rapidamente novas ocorrências. “Certamente veremos novos casos, mas isso não é sinal de que falhamos”, destacou a premiê.

publicidade

A Nova Zelândia registrou 1.154 casos de coronavírus e teve 22 mortes confirmadas pela doença.

Via: Reuters