EnglishPortugueseSpanish

A União Europeia (UE) está tomando novas medidas para combater as fake news. O líder da política externa da UE, Josep Borrell, e a vice-presidente de valores e transparência da Comissão Europeia, Vera Jourova, afirmaram que Facebook, Google e Twitter devem produzir relatórios mentais sobre seus esforços para acabar com as campanhas de desinformação.

A comissão espera que as redes sociais detalhem os esforços para limitar as informações falsas, incluindo anúncios, bem como as medidas tomadas para promover conteúdos confiáveis.

publicidade

“A desinformação não prejudica apenas a saúde de nossas democracias, mas também prejudica a saúde de nossos cidadãos”, destacou Jourova, lembrando de campanhas antivacinação da Covid-19

Já o TikTok vai se juntar ao Código de Práticas de Desinformação da UE para combater as fake news. O aplicativo promete promover “a verdade e a transparência nos anúncios, aplicar políticas contra identidades falsas e bots e ajudar pesquisadores a analisar campanhas de desinformação”.

Apesar de não levar a uma mudança significativa na atual abordagem do TikTok, é uma tentativa dele reafirmar ao mundo que suas políticas de conteúdo internacionais não estão sob possíveis influências do governo chinês.

Via: Engadget

publicidade