EnglishPortugueseSpanish

No domingo (5), o hospital Sírio-Libanês informou que foi alvo de um ciberataque. De acordo com um comunicado divulgado, cibercriminosos tentaram invadir os sistemas de tecnologia da informação do local.

Para impedir o ataque, o hospital informou que seu servidor foi completamente desconectado da internet assim que a investida foi detectada, fazendo com que os computadores da unidade fossem protegidos e o ataque impedido.

publicidade

Como resultado da interrupção de conexão, o site e o aplicativo do hospital ficaram fora do ar durante todo o domingo, obrigando os profissionais do local a encontrarem maneiras alternativas de realizar o atendimento.

Reprodução

Site e aplicativo do hospital ficaram fora do ar durante todo o domingo (5). Foto: Divulgação

Segundo o hospital, devido à rapidez com que a ameaça foi identificada, “não houve perda de informação”. Além disso, foi destacado que planos de contingência previamente estabelecidos foram colocados em prática, e que o hospital “está operando normalmente”. Atualmente, o Sírio-Libanês investiga a origem do ataque. Até o momento, o motivo e o autor da investida são desconhecidos.

Via: Estadão