EnglishPortugueseSpanish

O pacote Office 2019, da Microsoft, deverá oferecer a possibilidade de compra única, além da assinatura mensal ou anual já conhecida. O conjunto de aplicações atualizadas será lançado no segundo semestre de 2021 para Windows e Macs, beneficiando quem prefere pagar uma vez só pelo serviço.

A intenção é lançar um preço fixo para a compra única, permitindo que o usuário tenha o Office para sempre pagando apenas um valor. Mas, vale destacar que clientes que escolherem esta opção não terão direito a atualizações rápidas do sistema. O Office 365, por exemplo, lança frequentemente atualizações para os clientes que possuem assinatura.

publicidade

ReproduçãoExpectativa é que a Microsoft apresente várias novidades aos pacotes Office 2019 no ano que vem. Créditos: Illustrationfiles/Pixabay

Para exemplificar, os planos do Microsoft 365 apresentam mensalidades a partir de US$ 5 para pacotes básicos, com o Word, Excel e PowerPoint.

Cabe frisar que o Office 2019 conta com Word, Excel, PowerPoint, Outlook e Skype for Business, além dos servidores como Exchange e SharePoint. Considerando os aplicativos do pacote, acredita-se que a próxima versão perpétua do conjunto de aplicações tenha oferta semelhante.

Visual Office 2019

Este ano, a Microsoft revelou que faria a primeira modificação visual significativa nos aplicativos do pacote Office desde 2007. O objetivo, segundo a gigante da tecnologia, é valorizar a criação de conteúdo e colocar as ferramentas dos programas apenas como apoio para o usuário no Office 2019.

As alterações já começam pelas cores, marcadas para diferenciar cada um dos aplicativos. Antes com cores fortes, na atualização serão apresentando tons mais delicados, eliminando distrações durante a criação de planilhas, documentos ou apresentações.

Reprodução

A gigante Microsoft resolveu inovar o design do pacote Office, que possui a mesma estrutura desde 2007. Créditos: Matthew Manuel/Unsplash

Outra modificação de impacto deve ser relacionada à barra de tarefa, que será retirada da parte superior da tela e minimizada, de forma a ser movida pelo usuário para onde ele quiser. Este elemento, especificamente, é inteligente e capaz de apresentar comandos contextuais relevantes conhecidos com base nas suas ações.

Também assim, o design foi modicado visando atender os usuários do pacote em smartphones, visto que na época de lançamento do Office 2007, a prática não era tão comum quanto hoje.

Várias outras inovações também estão previstas para o pacote.

Fonte: The Next Web/Windows Central