EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Durante coletiva de imprensa na última terça-feira (20), o vice-presidente de clientes da Oi, Bernardo Winik, confirmou que há planos de levar internet banda larga para São Paulo. A oferta da operadora para consumidores do estado deve trazer concorrência para Vivo, Tim e Claro, além de provedores locais.

Até então, o estado é o único do país onde o serviço de fibra óptica da Oi não está disponível para uso comercial. Mas, de acordo com Winik, a empresa já possui infraestrutura que atende os clientes corporativos, além da oferta móvel. “Nada impede que utilizemos essa infraestrutura para atender os clientes tanto residencial quanto empresarial”, disse.

publicidade

A operadora recebeu em setembro uma oferta de R$ 16,5 bilhões pela sua unidade móvel. A venda, que faz parte do processo de recuperação judicial da empresa, foi formada por um consórcio entre as operadoras Vivo, Tim e Claro.

Venda já finalizada

De acordo com o CEO da Oi, Rodrigo Abreu, a empresa já concluiu o processo de reestruturação e separação da unidade móvel. Ressaltou, ainda, as unidades que fazem parte da venda são a Oi Móvel, datacenters, unidade de torres e InfaCo. Com o plano, a operadora passará a oferecer exclusivamente serviços fixos.

Reprodução

Em agosto, operadora Oi anunciou a marca de 1,5 milhão de clientes da fibra óptica em 127 cidades. Imagem: Oi/Reprodução

publicidade

Winik também lembra que a empresa possui 400 mil km de fibra e atua sozinha em mais de dois mil municípios. Durante a pandemia, citou, “a Oi não teve nenhum problema” de congestionamento de acessos por causa de lives, por exemplo.

Fibra óptica lidera conexões

Apesar de ter citado que existem planos concretos de oferecer o Oi Fibra na região de São Paulo, o executivo não forneceu nenhum detalhe adicional. As ofertas da Oi oferecem dois planos: Oi Fibra 200 Mb/s por R$ 99,90, e Oi Fibra 400 MB/s por R$ 149,90.

Na região de São Paulo, a operadora pode ainda atuar em locais onde as grandes operadoras não ofertam a fibra óptica. Dados da Anatel informam que a fibra óptica é a principal conexão de internet fixa no Brasil, com 31,9% dos 32,5 milhões de acessos totais registrados em janeiro de 2020.

Via: TeleSíntese