Autoridades municipais de transporte de Pequim concederam à gigante chinesa Baidu uma permissão para a realização de testes de carros sem motorista nas vias públicas da capital. Para conseguir a permissão, a empresa teve que cumprir alguns requisitos – entre eles, completar mais de 30 mil km de testes com os carros sem motoristas em estradas abertas.

Cinco robotáxis modelo Baidu Apollo serão testados nas vias públicas, com um operador de segurança remoto capaz de assumir o controle em uma emergência. Na semana passada, a concorrente AutoX (que tem o apoio do grupo Alibaba) começou a testar uma frota de 25 robotáxis sem pilotos em Shenzhen.

publicidade
Robotáxi da Baidu em Changsha

Além de Pequim, a Baidu vem testando seus veículos autônomos em Changsha e Cangzhou, e planeja se expandir para cerca de 30 cidades nos próximos três anos. A empresa também anunciou uma parceria com o app Shouqi para permitir aos usuários solicitar um robotáxi por meio do aplicativo, abrindo um novo modelo de comercialização.

“A indústria de transporte e a indústria automobilística estão passando por uma transformação única em um século”, disse Zhenyu Li, vice-presidente corporativo da Baidu e gerente geral do Intelligent Driving Group (IDG). “Com seu foco em inteligência, o Apollo está ajudando fabricantes de automóveis a construir bons carros e governos a construir boas estradas por meio de transformação inteligente”, completou, em nota oficial.

Via: Engadget