EnglishPortugueseSpanish

No meio deste ano, o Twitter anunciou que retomaria as verificações de conta na plataforma com uma nova política. Agora, a empresa esmiuçou alguns dos detalhes para que tal ação seja colocada em prática a partir de 20 de janeiro de 2021.

O processo para adquirir o emblema azul será desenvolvido a partir de sugestões que os usuários mandaram ao Twitter durante este ano.

publicidade

Assim como divulgado no blog da rede social, alguns critérios para ter uma conta verificada serão menos restritivos. Assim sendo, a empresa não exigirá mais uma biografia de perfil ou imagem de cabeçalho.

Igualmente, o Twitter também destacou a adição de novas categorias, como jornalistas, esportes eletrônicos, bem como entretenimento, para acolher melhor os criadores de conteúdo, por exemplo. Contas de candidatos políticos, do governo e mídia afiliada ao estado também terão rótulos.

Twitter aplicará nova política para verificação de contas no ano que vem. Créditos: Sattalat Phukkum/Shutterstock

Categorias e contagem de seguidores

Além disso, ainda sobre as categorias, a empresa pretende explorá-las mais em 2021, incluindo categorias acadêmicas, como cientistas, e também para líderes religiosos. Por enquanto, o Twitter afirmou que qualquer pessoa que se encaixe nestes perfis pode solicitar a verificação de conta e marcar a categoria “Ativistas, organizadores e outros indivíduos influentes”.

Outra mudança importante será aplicada no processo de contagem de seguidores. Antes, a contabilização mínima era realizada por país. Com a nova atualização, o sistema fará a contagem considerará apenas a região.

“A verificação é apenas uma parte do nosso trabalho para ajudar as pessoas a entender com quem estão interagindo no Twitter. Sabemos que nem sempre é fácil avaliar a autenticidade de contas na internet e que entender com quem você está interagindo é fundamental para a conversa pública”, ressaltou a empresa sobre as motivações para as alterações.

Assim, para solicitar a verificação de conta, a opção estará disponível na parte de Configurações do app. Toda a ação contará com verificações de identidade por meio de links e outros métodos. Acima de tudo, a empresa lembrou que o processo contará não só com o auxílio automatizado, mas também humano.

Verificação de conta poderá ser solicitada nas Configurações do aplicativo. Créditos: Twitter/ Divulgação

Remoção de emblemas

De maneira idêntica, a rede social também aplicará mudanças para a remoção de emblemas. Isso se refere a contas inativas ou incompletas, considerando que o Twitter pondera contas que contenham e-mail ou número de telefone, imagem de perfil e nome de exibição como completas.

De qualquer maneira, a empresa afirmou que o selo de verificação não será retirado sem que antes o usuário seja consultado. Para isso, a rede social entrará em contato via e-mail. 

Também como lembrete, o Twitter destacou poder remover o emblema de contas que violem seus termos de uso e regras de forma constante.

Contas automatizadas, do tipo bot, e contas memorial também receberão atualizações e indicações mais claras em 2021.

Histórico

Em 2017, o Twitter concedeu a marca azul ao organizador da manifestação supremacista branca em Charlottesville. A ação foi considerada por muitos como algo de mau gosto, visto que a verificação implicava que o usuário era de alguma forma uma figura pública notável cuja voz precisava ser protegida.

A partir deste momento, a rede social diminuiu significativamente o número de contas verificadas por ano, o que deu tempo para que a empresa revisasse tal política.

Via: Twitter