EnglishPortugueseSpanish

Massachusetts é o mais novo estado americano a proibir a venda de carros movidos a gasolina e outros combustíveis fósseis a partir de 2035. O plano de “descarbonização” anunciado pelo governador Charlie Baker possui medidas que devem perdurar até pelo menos 2050.

Califórnia e Nova Jersey também adotaram medidas similares em setembro e outubro de 2020, respectivamente. Mais além, o presidente eleito nos EUA, Joe Biden, afirmou durante sua campanha e após seu discurso de vitória que pretende incentivar a adoção de carros elétricos – como aqueles vendidos pela Tesla, de Elon Musk – por todo o país.

publicidade
tesla model S massachusetts
Model S, da Tesla: sedã elétrico de luxo pode substituir carros com motores à combustão até 2050, nos EUA. Imagem: Tesla/Divulgação

Segundo o plano estipulado pelo governo, cerca de 27% das emissões de gás atribuídas a Massachusetts vêm dos carros de passeio. A ideia é zerar este valor até 2050, então faz sentido que, anos antes deste objetivo, a venda de veículos do tipo seja banida.

Além disso, Baker confirmou que o estado fará investimentos na ampliação de redes públicas de recarga, para que os carros elétricos sigam crescendo dentro de suas divisas. Um plano no mesmo modelo foi instituído na Califórnia, ao passo que Nova Jersey não implementou o projeto como lei, mas anunciou intenções parecidas.

De acordo com um estudo da McKinsey, de julho de 2020, a adoção de veículos elétricos vem passando por altos e baixos, sem uma consistência muito positiva: de 2017 para 2018, o setor aumentou 65%, mas em 2019, a marca de 2,1 milhões de veículos vendidos subiu para “apenas” 2,3 milhões – e em 2020, o primeiro trimestre do ano viu uma retração de mercado de 25%, sinalizando que, apesar da ampliação de conhecimento do público sobre veículos movidos à bateria, ainda há uma preferência para os motores à combustão.

Vale lembrar que os três estados referem-se especificamente à venda de carros novos. Carros usados movidos a combustíveis fósseis seguirão sendo comercializados normalmente.

Fonte: Car and Driver