EnglishPortugueseSpanish

A Microsoft aumentou o limite de tamanho de arquivos armazenados em suas aplicações na nuvem, como o OneDrive, Sharepoint, Teams e a suíte Office 365.

Agora, você pode salvar materiais de até 250 GB de tamanho, boa notícia para artistas digitais, editores de vídeo e usuários massivos de softwares de modelagem 3D, por exemplo.

publicidade

Esse é o segundo aumento de limite no tamanho de arquivos promovido pela Microsoft em menos de um ano. Antes de julho de 2020, você não poderia trabalhar com nada maior que 15 GB. Posteriormente, esta limitação foi ampliada para 100 GB e, agora, novamente, a empresa mais que dobra esta capacidade.

microsoft tamanho de arquivos
Com atualização, apps na nuvem como o OneDrive agora permitem o upload de arquivos de até 250 GB. Imagem: Nopparat Khokthong/Shutterstock

“Nós atingimos o limite de 250 GB por meio da otimização de armazenamento e desempenho de upload — cada arquivo é dividido em pedaços e cada pedaço é criptografado com uma chave exclusiva”, explicou a Microsoft em um a postagem em seus canais oficiais.

“Todos os arquivos contam com um backup no [serviço] Azure Storage, assegurando alto desempenho e disponibilidade. Você pode facilmente fazer o upload e o download de seus maiores arquivos quando e onde precisar”.

Anteriormente, a Microsoft aplicava um processo chamado “sincronização diferencial”, em que, basicamente, acelerava a taxa de upload de arquivos ao ignorar partes inalteradas deles, sincronizando apenas pedaços que tiveram mudanças. Na prática, esse modelo ainda é aplicado no novo limite.

publicidade

A Microsoft ressalta que você pode não tirar proveito do limite de 250 GB de tamanho de arquivos agora. O novo padrão será disponibilizado gradualmente a partir do fim deste mês, atingindo toda a base de usuários até o fim de março.

Fonte: Microsoft