EnglishPortugueseSpanish

Rey Skywalker pode chegar à Marvel? No que depender de Daisy Ridley, sim. Em entrevista ao jornal USA Today, a atriz britânica disse que gostaria de dar vida à Mulher-Aranha, cuja identidade secreta é Jessica Drew, em um filme produzido pela Marvel Studios.

“Ai, meu Deus, eu amaria viver a Mulher-Aranha. Mas isso seria mais algo como um ‘Aranhaverso estendido?’” – disse Ridley, quando questionada pela escritora e jornalista Sariah Wilson sobre rumores que lhe indicavam como a atriz escolhida para uma eventual produção sobre a heroína. Ridley não estava ciente de tais boatos.

publicidade

Daisy Ridley também confessou, durante a entrevista, ter gostado bastante da animação ‘Homem-Aranha no Aranhaverso‘, que conta com uma “mulher-aranha”: Gwen Stacy, que em outra realidade, não morreu nas mãos do Duende Verde, tornou-se a personagem, embora ela seja comumente referida como “Spider-Gwen”.

Além disso, Ridley confirmou estar assistindo assiduamente a série ‘Wandavision‘, protagonizada pela Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen) e pelo androide Visão (Paul Bettany). Tanto a animação ‘Aranhaverso’ como a série ‘Wandavision’ estão em exibição pela plataforma de streaming Disney+.

Imagem mostrando a atriz Daisy Ridley, como Rey Skywalker em "Star Wars". Atriz disse que gostaria de viver a Mulher-Aranha nos filmes da Marvel
Daisy Ridley, que viveu Rey Skywalker em “Star Wars”, admitiu que gostaria de representar a Mulher-Aranha nos cinemas. Imagem: LucasFilm/Divulgação

Um filme (ou série) sobre a Mulher-Aranha vem sendo alvo de constantes boatos, com fãs da Marvel pedindo que a empresa produza algo voltado à heroína. Entretanto, ao contrário d’Os Vingadores e outros heróis dos filmes da empresa, a personagem Jessica Drew não faz parte do chamado “universo cinematográfico da Marvel” (ou simplesmente “MCU”, na sigla em inglês). Contratualmente, a Mulher-Aranha é parte do “Aranhaverso”, cujos direitos de produção são compartilhados entre a empresa subsidiária à Disney e a Sony.

publicidade

Porém, a esperança, como diz o ditado, é a última que morre, afinal, se a Marvel conseguiu inserir Peter Parker, o Homem-Aranha original, em cinco filmes dentro do MCU (sendo dois deles, próprios, com um terceiro chegando em dezembro de 2021), é bem possível que outros personagens desse pequeno universo também apareçam.

A ideia só vem ganhando reforços recentemente, com especulações muito fortes apontando para o terceiro filme do Homem-Aranha tratar justamente do “multiverso”. Em dezembro de 2020, foi confirmado que o ator Alfred Molina, o “Doutor Octopus” de “Homem-Aranha 2” (a primeira trilogia, estrelada por Tobey Maguire e dirigida por Sam Raimi), voltaria a viver o personagem no novo longa-metragem. Mais além, boatos de que os outros dois “Homens-Aranha” – Tobey Maguire e Andrew Garfield – podem aparecer no filme também vêm flutuando por aí.

Há um porém: rumores veiculados na mídia estrangeira podem impedir Daisy Ridley de viver a Mulher-Aranha, já que alguns veículos indicam que a Sony já teria contratado Olivia Wilde (‘House’, ‘Tron: O Legado’) para protagonizar um filme estrelado pela personagem. Nada confirmado, porém.

Imagem mostra o ator Alfred Molina, representando seu papel como o vilão "Doutor Octopus", em "Homem-Aranha 2
Alfred Molina viveu o Dr. Octopus no segundo filme da primeira trilogia do Homem-Aranha. Ator vai voltar a representar o personagem em novo filme do herói aracnídeo. Imagem: Sony Pictures/Divulgação

Enquanto isso, Daisy Ridley segue na expectativa. Ela não seria a primeira pessoa de ‘Star Wars’ a migrar para o universo cinematográfico da Marvel, porém: Oscar Isaac, o Poe Dameron da trilogia recente dos filmes criados por George Lucas, já viveu o Apocalipse em ‘X-Men: Apocalipse’ (ok, não é parte do MCU…) e foi confirmado para viver o Cavaleiro da Lua em uma série produzida pela Marvel Studios.

E você, gostaria de ver Rey Skywalker como a Mulher-Aranha?

Fonte: Sariah Wilson, via Twitter