EnglishPortugueseSpanish

De acordo com informações da Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo, a taxa de mortes e internações por coronavírus despencou na capital desde o início da campanha de vacinação. Isto, na faixa de pacientes acima de 90 anos, integrantes do grupo prioritário da primeira dose da vacina que já segue em aplicação.

Nenhum idoso na faixa de vacinação morreu no mês de março. Em contrapartida, foram registrados 127 óbitos em janeiro desde ano. Já o número de pacientes internados na capital caiu de 246 em janeiro para somente 3 em março.

publicidade
Último boletim diário da cidade de São Paulo, divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde no último sábado
Último boletim diário da cidade de São Paulo, divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde no último sábado (6). Créditos: Reprodução

Os casos de infecção também tiveram uma queda drástica. Apenas 4 em março, após serem notificados 144 em fevereiro e 380 em janeiro. O boletim informa também que nenhum idoso com mais de 95 anos contraiu a Covid-19 neste mês.

Leia também:

Casos do novo coronavírus no país

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e o Ministério da Saúde atualizaram neste sábado (6) os dados sobre a situação da Covid-19 no Brasil. Segundo o levantamento mais recente, o país atingiu a marca de mais de 264 mil óbitos com mais de 10 milhões de casos confirmados.

A campanha de vacinação começou no Brasil dia 17 de janeiro, desde então, a sua primeira dose foi aplicada a 269.948 pessoas nas últimas 24 horas em todo o país. Cerca de 147 mil brasileiros já receberam a segunda dose do antídoto entre as últimas quinta e sexta-feira (4 e 5).

Via: Yahoo/Secretaria Municipal da Saúde