A família de Chadwick Boseman precisou se manifestar publicamente após a polêmica gerada pela vitória de Anthony Hopkins como “Melhor Ator” no Oscar 2021. Fãs revoltados tomaram as redes sociais após o ator de ‘Pantera Negra’ – que faleceu em agosto de 2020, aos 42 anos, vítima de um câncer – não ter vencido o prêmio como forma de homenagem póstuma.

Uma das categorias mais esperadas da 93ª edição da cerimônia, ocorrida no último domingo (25), era a de “Melhor Ator”. Tanto que a organização da cerimônia deixou o prêmio em questão para o fim da noite – lugar tradicionalmente ocupado para a entrega da estatueta de “Melhor Filme”. Por ter sido o vencedor em outras premiações, as apostas davam como certa a vitória de Chadwick, indicado pelo filme ‘A Voz Suprema do Blues’. Porém, ele entrou para a lista de esnobados da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas ao perder o prêmio para o veterano Anthony, que interpretou um homem com demência no longa ‘Meu Pai’.

publicidade
Chadwick Boseman foi o 'Pantera Negra' na Marvel de 2016 a 2020. Imagem: Twitter @MarvelStudios/Reprodução
Chadwick Boseman foi o ‘Pantera Negra’ na Marvel de 2016 a 2020. Imagem: Twitter @MarvelStudios/Reprodução

As reações negativas por toda a internet fizeram com que o irmão de Chadwick, Derrick, se pronunciasse em nome da família Boseman. Ao site TMZ, ele informou a todos os fãs do falecido ator que “não há ressentimentos” com o prêmio indo para Anthony, e que “todos os atores nomeados eram merecedores do Oscar”.

“Tenho certeza de que [Anthony] faria o mesmo se Chad ganhasse”, disse Derrick. “Meu irmão sempre descreveu o Oscar para mim como uma campanha (…) o prêmio sempre foi algo a conquistar, mas nunca uma obsessão”, finalizou o irmão de Chadwick sobre como o ator se sentia sobre a cerimônia da Academia.

Após vencer, Anthony agradeceu o prêmio recebido e fez um tributo ao companheiro indicado, já que não foi à premiação. “Não estava esperando por esse prêmio, eu realmente não esperava. Estou muito grato à Academia, obrigado. E gostaria de homenagear Chadwick Boseman, que nos deixou cedo demais, e novamente, muito obrigado. Eu realmente não esperava por isso”, afirmou em post no Instagram, horas após o encerramento do Oscar.

Anthony Hopkins venceu Oscar de melhor ator por seu papel no filme 'Meu Pai'. Imagem: Lionsgate/Divulgação
Anthony Hopkins venceu Oscar de melhor ator por seu papel no filme ‘Meu Pai’. Imagem: Lionsgate/Divulgação

Aos 83 anos, Hopkins não teve permissão para comparecer à cerimônia de forma remota em sua casa, no País de Gales. Portanto, o evento terminou de forma abrupta, sem uma homenagem a Boseman ou um discurso do vencedor do prêmio de “Melhor Ator”. As redes sociais, é claro, foram tomadas por comentários negativos em relação à atitude tomada pela Academia.

Inclusive, nos bastidores do Oscar, a equipe que produziu ‘Nomadland’ – que venceu por “Melhor Filme” – foi questionada sobre como eles se sentiam sobre a categoria ter sido anunciada mais cedo e não no fim, como de costume. “Com certeza foi uma surpresa”, disse um dos produtores do filme, Dan Janvey, ao jornal L.A Times. “Acho que muitos de nós crescemos assistindo ao Oscar e eu me acostumei com isso [a categoria] sendo a última.”

Leia mais:

Fontes: IndieWire e TMZ

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!