O Ministério da Saúde de Israel informou nesta quarta-feira (2) que iniciará na próxima semana a vacinação contra a Covid-19 em crianças de 12 a 15 anos. Segundo um jornal local, a imunização dessa faixa etária não será obrigatória.

De acordo com o que foi divulgado pela imprensa israelense, a imunização começará por crianças que tenham probabilidade de desenvolver a forma mais grave da doença e, em seguida, serão vacinados aqueles que moram na mesma residência que pessoas em condições parecidas.

publicidade
Na próxima semana Israel começará a vacinar crianças a partir de 12 anos.
Imagem: Shutterstock

Famílias que desejem viajar para fora do país também serão incluídas no plano de vacinação israelense. Crianças que não se encaixem nos grupos prioritários poderão ser vacinadas em breve.

Apesar de já esperar que a vacinação de crianças comece já na próxima semana, o órgão de saúde local não informou uma data exata para o feito. Até o momento, sabe-se que o diretor-geral do Ministério da Saúde de Israel, Chezy Levy, está conversando com organizações de gestão de saúde para estruturar a melhor maneira de iniciar a nova campanha.

Após uma reunião entre autoridades de saúde do país, a emissora local Channel 12 News informou que a nova fase da vacinação começaria neste domingo (6).

Leia também!

Cientistas de Israel dizem ter criado remédio 100% eficaz contra casos graves de Covid-19

Os cientistas israelenses afirmam ter criado um remédio com 100% de eficácia em testes contra casos graves da Covid-19. De acordo com o grupo, pertencente à empresa de biotecnologia Bonus BioGroup, os 10 pacientes que foram tratados com o medicamento deixaram o hospital. A média foi um dia após o início do tratamento e eles tinham idades entre 45 e 75 anos, além de que a maioria com comorbidades.

A nova droga recebeu o nome de MesenCure e é composta por células-tronco, as quais são derivadas do tecido adiposo de doadores saudáveis, transmitida aos pacientes por transfusão de sangue. Ademais, a empresa afirmou que isso ajuda: a reduzir a inflamação dos pulmões, promover a regeneração do tecido pulmonar e aliviar os sintomas respiratórios causados pela Covid-19.

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!