O presidente da França, Emmanuel Macron, usou o TikTok para combater fake news sobre a pandemia da Covid-19. O chefe de Estado explicou que as vacinas são a “única arma” contra uma quarta onda de infecções. O vídeo veio após o país europeu enfrentar manifestações pelo terceiro fim de semana seguido.

O foco dos protestos é o certificado de saúde, um documento que precisa ser apresentado por quem quiser frequentar bares e outros locais públicos. Esse registro comprova que a pessoa foi imunizada. Na prática, é preciso tomar a vacina para ir a determinados lugares.

publicidade

Macron sobre vacinas

No entanto, grupos que são contra a vacinação não aceitaram bem a decisão do mandatário francês e organizaram manifestações pelo país. Macron afirma que, nesse momento, o passe sanitário é necessário para permitir a retomada das atividades e que vai ficar feliz no dia em que isso não for mais preciso.

“Se nós não tivéssemos o passaporte sanitário hoje, seríamos obrigados a fechar tudo outra vez, ou seja, colocar restrições para todo mundo. Com o passe sanitário, as restrições são unicamente para aqueles que ainda não estão vacinados, a quem pedimos que façam testes para proteger os outros”, explicou Macron.

Até agora, cerca de 42,6 milhões de pessoas na França foram vacinadas com pelo menos uma dose, o que representa 63,2% da população. Do total, 52%, ou 35,7 milhões estão totalmente imunizados já com ambas as doses.

Leia mais!

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!