O OnlyFans ficou conhecido por conta da presença de conteúdo erótico e sexual em sua plataforma. No entanto, a ferramenta também está atraindo um público inesperado. Museus da Áustria estão criando perfis no site para burlar a restrição contra nudez presente em outras redes sociais como o Instagram.

Algumas obras de artistas que estão nos acervos dessas instituições retratam pessoas nuas, o que pode gerar problema em outras plataformas. Por conta disso, o OnlyFans foi uma saída encontrada por esses museus para não deixar de divulgar esses trabalhos.

publicidade

Uma série de museus da Áustria, como o Museu Albertina e o de Museu Leopold, tiveram problemas nas redes sociais por publicarem conteúdo que viola as regras de uso. O de Albertina teve sua conta suspensa no Instagram em 2019 por conta de uma pintura do artista Peter Paul.

“E a batalha contra a censura ainda continua: com o surgimento das mídias sociais, proibições como essas estão ganhando as manchetes mais uma vez. Os principais canais de mídia social como Instagram e Facebook estão firmemente visando nudez e sexo. Conteúdo ‘lascivo’”, disse o Conselho de Turismo de Viena.

Museus no OnlyFans

O perfil Vienna Tourist Board reúne conteúdo dos museus da Áustria que não podem ser postados em redes sociais como o Instagram e o Facebook. O conselho diz que a divulgação dessas obras é para incentivar o turismo na região.

A política do Instagram diz que as regras de nudez não se aplicam a “pinturas e esculturas”. No entanto, as instituições alegam que tiveram suas postagens removidas da mesma foram.

O OnlyFans chegou a anunciar uma proibição ao conteúdo sexualmente explícito na plataforma, o que não necessariamente incluiria nudez. No entanto, após a repercussão negativa, a plataforma voltou atrás na decisão.

Leia também:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!