A agência espacial do Japão (JAXA) informou por meio de comunicado que está abrindo um processo para a seleção de novos astronautas – o primeiro em 13 anos. Mais além, os administradores da agência estão encorajando a participação de mulheres para diversificar o atual quadro: hoje, os sete astronautas japoneses são homens.

A fim de ampliar o volume de participantes, os requisitos mínimos também foram alterados: agora, não é mais necessário um diploma em áreas científicas. Entretanto, ao contrário da Nasa, que aceita astronautas de outras nacionalidades desde que comprovem cidadania estadunidense, a JAXA ainda restringe seu programa a japoneses nascidos e criados no país.

publicidade

Leia também

Foto mostra Akihiko Hoshide, natural do Japão, que procura novos astronautas
Akihiko Hoshide, um dos astronautas da JAXA, voltou recentemente de missão no espaço e pode dar as boas-vindas a novos astronautas no Japão (Imagem: JAXA/Divulgação)

“Nós queremos estabelecer um sistema de recrutamento mais alinhado com os tempos modernos”, disse Kazuyoshi Kawasaki, gerente geral da JAXA, durante uma conferência com a imprensa local. “Anteriormente, nós limitávamos candidaturas apenas para homens com algum diploma em ciências naturais, mas muitos de nós [da agência] entendemos que isso não é mais uma necessidade”.

Apesar da maior abertura no que tange à formação acadêmica dos candidatos, a JAXA ressalta que as provas escritas e boa parte do treinamento físico envolverão demandas relacionadas à engenharia, química, física, matemática e tecnologia, além da fluência no idioma inglês.

No que tange à parte física, a JAXA informa que não há restrições ou cotas máximas de gênero ou de idade, mas estabeleceu uma altura mínima de 1,49m como corte.

As candidaturas serão recebidas a partir de inscrições abertas no próprio site da JAXA, a partir de 20 de dezembro de 2021, estendendo-se até 4 de março de 2022. Aprovados serão, eventualmente, enviados em missões de alto potencial, como expedições de longo prazo à Estação Espacial Internacional (ISS) – aliás, um dos astronautas da JAXA, Akihiko Hoshide, de 52 anos, recentemente retornou à Terra após seis meses a bordo do laboratório orbital.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!