A Ford está planejando aumentar novamente a produção de sua picape elétrica F-150 Lightning, indo para 150 mil unidades por ano em 2023. A notícia chega enquanto a montadora se prepara para começar a fabricar e enviar seu novo EV no primeiro semestre deste ano.

A produção da F-150 Lightning e da F-150 Lightning Pro para clientes comerciais entrou em seu estágio final de pré-construção esta semana no Rouge Electric Vehicle Center da empresa em Dearborn, Michigan. As entregas das primeiras caminhonetes devem começar no próximo trimestre de 2022.

publicidade

Leia mais:

Quase dobrando a produção

No início, a empresa tinha como alvo produzir anualmente 40 mil unidades de sua picape elétrica. Aos fornecedores, a montadora chegou a dizer que esperava que a capacidade aumentasse para 80 mil caminhonetes no início de 2023, de acordo com o Automotive News.

O volume agora aumenta bastante. Segundo um porta-voz da Ford, em meados de 2023, o número deve ser de 150 mil picapes elétricas anualmente sendo produzidas. Tamanho aumento de produção da F-150 elétrica segue em linha com um anúncio recente da montadora triplicando a produção do Mustang Mach-E, com a expectativa de chegar a mais de 200 mil unidades do carro por ano em 2023.

Clientes já poderão selecionar acabamento da F-150 esta semana

A Ford também anunciou que, a partir de 6 de janeiro (quinta-feira próxima), os primeiros titulares de reservas poderão começar a selecionar as opções e níveis de acabamento de suas caminhonetes. Para agilizar seus processos, a empresa criou uma pequena força-tarefa multidisciplinar, com pessoal da manufatura, compras, estratégia, desenvolvimento de produto e planejamento de capacidade.

A F-150 Lightning custa a partir de $ 39.974 (quase R$ 227 mil, desconsiderando diferenças de impostos ou taxas), mas pode mais do que dobrar de preço, dependendo da versão que as pessoas comprarem. Além disso, segundo informações, alguns revendedores Ford nos EUA estão tirando proveito da forte demanda pelo veículo elétrico, aumentando o preço em até US$ 30 mil (R$ 170 mil).

Ainda assim, uma grande vantagem que a F-150 Lightning tem sobre as picapes elétricas rivais já em produção – ou seja, a Rivian R1T e a GMC Hummer EV – é seu preço inicial. A R1T começa em US$ 73 mil e a Hummer EV em US$ 112.595 (respectivamente, cerca de R$ 414 mil e R$ 638 mil, em conversão direta, sem considerar diferenças de impostos ou taxas), embora versões mais acessíveis de ambas as caminhonetes estejam chegando.

Outra vantagem para a Ford é que a F-150 Lightning não está atraindo exclusivamente os clientes existentes da picape. Segundo a montadora, 75% dos titulares de reservas são novos na marca.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!