A Realme anunciou nesta sexta-feira (7) que seu smartphone mais potente, o Realme GT 2 Pro 5G, será lançado oficialmente no Brasil. O aparelho inaugura a presença da marca no segmento topo de linha ao oferecer o chip Snapdragon 8 Gen 1, câmera tripla na traseira e carregador rápido já na embalagem.

O Realme GT 2 Pro 5G foi apresentado recentemente, sendo o primeiro smartphone da marca asiática completamente dentro do segmento topo de linha, onde brigam nomes de peso como a família Galaxy S da Samsung, todos os iPhones e também alguns modelos da Motorola, Oppo e tantas marcas.

publicidade

Leia também

Realme GT 2 Pro (Imagem: divulgação/Realme)
Realme GT 2 Pro (Imagem: divulgação/Realme)

Além do segmento mais elevado para um celular, outros pontos do aparelho entram em “primeiro da marca”, como o display LTPO 2 AMOLED plano de 6,7 polegadas que consegue trabalhar com taxa de atualização variável, batendo em um máximo de 120Hz, junto de resolução 2K e proteção Gorilla Glass Victus.

Celular quer gastar menos plástico

Na parte traseira estão dois grandes sensores de 50 megapixels para fotos tradicionais e ultrawide, junto de um terceiro com tamanho consideravelmente menor, focando seu trabalho em imagens macro com apenas 3 megapixels. Deixando de lado a resolução pífia, que tende a gerar resultados pouco empolgantes, esta última câmera promete entregar registros como os de um microscópio.

Ainda por fora o acabamento é feito em um misto de materiais, com destaque para papel e que também tem objetivo de diminuir a dependência de plástico para todo o celular. O Realme GT 2 Pro 5G diminui este material até mesmo na embalagem, seja pelo lado de fora, ou mesmo por dentro.

Realme GT 2 Pro 5G ainda não foi homologado

Comandando todo este conjunto o usuário encontra um Snapdragon 8 Gen 1, acompanhado de até 12 GB para RAM e 512 GB de memória interna. O Android 12 já vem instalado de fábrica, logo abaixo da Realme UI 3.0. Todo o conjunto é alimentado por bateria de 5.000 mAh, com 65 watts para recarga completa em 33 minutos.

Mesmo com lançamento garantido para o Brasil, nenhuma das duas versões do Realme GT 2 Pro foi encontrada no banco de dados da Anatel. Isso significa que o modelo ainda não recebeu a homologação para poder ser vendido oficialmente no país.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!