O mês de fevereiro é conhecido por ser o menor mês de todo o ano, porém, o mês também representa a luta e a conscientização sobre três doenças crônicas e incuráveis, são elas: o Alzheimer, a Fibromialgia e o  Lúpus

A principal intenção da campanha é fazer com que a população entenda que essas doenças, apesar de extremamente diferentes, quando diagnosticadas na fase inicial podem ter seus sintomas controlados ou até mesmo retardados, melhorando a qualidade de vida de quem convive com elas.  

publicidade

Para garantir o diagnóstico correto destas doenças é necessário ficar atento aos principais sintomas e fazer as frequentes e necessárias visitas aos médicos para garantir a saúde do seu corpo. 

Leia também!

Entenda como o Alzheimer, Fibromialgia e Lúpus se apresentam no organismo humano:

Alzheimer  

O Alzheimer é um transtorno neurodegenerativo progressivo que se manifesta pela deterioração cognitiva e da memória. O avanço da doença pode impedir os pacientes de realizarem simples atividades cotidianas.  

O principal sintoma a ser percebido no Alzheimer é a perda de memória recente. A doença em fase avançada pode influenciar na perda de memória mais antiga, irritabilidade, falhas na linguagem e prejuízo da coordenação motora.  

Alzheimer Covid-19
Imagem: tampatra (iStock)

Lúpus 

O Lúpus é uma doença inflamatória autoimune que pode afetar múltiplos órgãos e tecidos, como pele, rins, cérebro e articulações. A doença pode se manifestar de quatro maneiras diferentes e se não tratada da maneira correta, pode matar.  

Lúpus neonatal: manifestação rara da doença que acomete filhos recém-nascidos de mulheres diagnosticadas com a doença. A criança que nasce com o quadro pode ter feridas na pele, problemas no fígado e baixa contagem das células sanguíneas.  

Lúpus sistêmico: este é o tipo mais comum da doença e pode comprometer todo o organismo com uma inflamação.  

Lúpus discoide: é reservado a pele dos pacientes, apresentando-se como lesões avermelhadas, principalmente no rosto, nuca e coro cabeludo.  

Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) é uma doença crônica causada por auto-imunidade que causa efeitos nos órgãos do corpo, especialmente na pele, articulações, sangue, rins e sistema nervoso central. / Imagem: Ratchaneekorn – Shutterstock

Lúpus induzido por drogas: a doença se apresenta com sintomas parecidos ao do lúpus sistêmico, mas desaparece quando o uso da substância desencadeadora terminar. 

Os sinais mais comuns do Lúpus são fadiga, febre, rigidez muscular, inchaços e dor nas articulações. A maior parte dos pacientes da doença apresenta os sintomas de maneira moderada e eles surgem esporadicamente em crises que fazem os problemas se intensificarem, mas desaparecem logo em seguida.  

Fibromialgia  

A fibromialgia se caracteriza pela dor muscular crônica, mas não apresenta evidência de inflamação nos locais da dor. A doença pode se apresentar acompanhada de cansaço, ansiedade, distúrbios de humor, depressão, dificuldade de concentração e alterações de memória.  

Fibromialgia
Imagem: GoodIdeas/Shutterstock

A fibromialgia pode aparecer em pacientes que apresentam outras doenças reumáticas, como artrite reumatoide e lúpus eritematoso sistêmico, dificultado a melhora dos pacientes.  

Todas as doenças não possuem cura, mas são passíveis de tratamento capaz de minimizar os sintomas. Por este motivo é necessário se manter atento aos mínimos sinais e procurar ajuda médica caso necessário. 

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!