O Ray-Ban Stories, o óculos inteligente que a empresa criou em colaboração com o Facebook, agora pode gravar vídeos de até 60 segundos para stories. Além disso, o óculos começa a ser vendido na Espanha, Áustria e Bélgica a partir de hoje, e chega a França em 14 de abril.

Segundo testes do site Engadget, a qualidade de vídeo das câmeras de 5 MP do Ray-Ban Stories é muito boa e estável. O óculos conta com uma luz LED para avisar as pessoas ao redor que o usuário está gravando. Mesmo assim, a facilidade para começar a gravar vídeos com o óculos em comparação com um celular vem levantando preocupações sobre privacidade pelo mundo.

publicidade

Segundo a Ray-Ban, a gravação de 60 segundos chegará com uma atualização de software no início de abril. O óculos inteligente também vai contar com o Facebook View em francês, espanhol, holandês e alemão. O View é o app complementar do Stories, que permite ao usuário editar e aprimorar suas fotos, além de enviá-las direto para as redes sociais escolhidas. 

O Facebook também está implementando suporte para comandos de voz em francês e italiano para o óculos, assim como notificações audíveis como alertas de “bateria fraca” e “memória cheia” nessas línguas.

Leia mais:

Segundo o Facebook e a proprietária da Ray-Ban, a Luxottica, o Ray-Ban Stories tem preço inicial de € 329 (cerca de R$ 1.850 na cotação atual) nos novos mercados. O óculos também vai ganhar 4 novas combinações de cores e lentes em abril. Por enquanto, a Ray-Ban não deu informações sobre o lançamento do óculos no mercado brasileiro.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!