Enquanto muitos apostam nos veículos elétricos como o futuro da indústria automotiva, uma equipe de especialistas na China preferiu seguir outro caminho no segmento de transporte sustentável. Se trata do ‘Tianjin’, o primeiro veículo do país que funciona 100% alimentado por energia solar.

A novidade foi apresentada oficialmente na sexta edição da World Intelligence Conference. Segundo a mídia chinesa, o modelo foi desenvolvido em conjunto por 42 empresas e três universidades em cinco meses e conta com uma série de tecnologias avançadas.

Imagem: Cnevpost/Reprodução

Com espaço para acomodar três passageiros e o motorista, o Tianjin está equipado com direção autônoma de ponta, por exemplo. A área do seu módulo de energia solar também é generosa, são 8,1 metros quadrados. Confira mais detalhes técnicos e um vídeo sobre o veículo abaixo:

  • Dimensões: 4,08 m de comprimento × 1,77 mm de largura × 1,81 mm de altura;
  • Distância entre eixos: 2,85 m;
  • Peso: 1.020 kg;
  • Geração máxima diária de energia: 7,6 kWh em dias ensolarados

Os criadores dizem que o alcance máximo nos testes foi de 74,8 km e a velocidade máxima é de 79,2 km/h. Não são especificações tão atraentes se comparadas a outros veículos, entretanto, considerando que os resultados foram alcançados utilizando apenas a energia do sol, é um feito e tanto.

publicidade

No fim, é uma prova de que os carros também podem ser movidos por uma fonte de energia abundante e limpa. Na Alemanha, a Sono Motors também está de olho nisso, e se aproxima da fase de validação do seu primeiro protótipo de carro-solar, o Sion EV, que utiliza a energia do sol para carregar as baterias. O modelo deve ser produzido em 2023.

Fonte: Cnevpost

Veja também:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!